Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


27 de Jul de 2017 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Draghi pede que bancos se preparem a tempo para o Brexit - Jornal Brasil em Folhas
Draghi pede que bancos se preparem a tempo para o Brexit


Bruxelas, 29 mai (EFE).- O presidente do Banco Central Europeu (BCE), Mario Draghi, pediu nesta segunda-feira aos bancos que se preparem a tempo para a saída do Reino Unido da União Europeia (UE), e admitiu que o processo gera riscos para a supervisão comunitária das entidades.

Estamos preparados para ajudar os bancos a reorganizarem suas atividades na zona do Euro e é muito importante que esses bancos façam todas estas preparações a tempo, disse Draghi em discurso na Comissão de Assuntos Econômicos do Parlamento Europeu.

Draghi acrescentou que o BCE está se preparando internamente para as possíveis consequências da saída do Reino Unido, o que inclui também os aspectos relacionados à supervisão das entidades, e informou que está acompanhado de perto as preparações dos bancos para o Brexit.

O presidente da instituição com sede em Frankfurt ressaltou que muitos dos riscos do Brexit têm que analisados com o modo em que serão gerenciados e que, se esta gestão for bem feita, muitos dos riscos não se materializarão.

Esta gestão tem muitos atores e entre eles estão os bancos, insistiu Draghi, que também destacou o papel que será desempenhado pelas autoridades nacionais.

O dirigente reconheceu que há um risco de fragmentação e de lacunas na supervisão que o Mecanismo Único de Supervisão não pode abordar no momento, disse Draghi em referência ao mecanismo dentro do BCE que se encarrega de vigiar que o cumprimento dos requisitos por parte das entidades da zona do Euro.

Temos de nos assegurar que todos os bancos na zona do Euro cumpram os padrões europeus de supervisão bancária. É importante que a segurança e a solidez do nosso sistema não seja pior após o Brexit, acrescentou Draghi.

O presidente do BCE explicou que os bancos atualmente com sede em Londres podem escolher estabelecer intermediários ou filiais na zona do Euro e, em ambos casos, esses não estariam sujeitos à supervisão europeia.

Neste sentido, pediu ao Parlamento Europeu que como legislador das normas comunitárias garanta que os riscos similares sejam tratados de uma forma similar e que todo risco regulador seja evitado.

Draghi se pronunciou assim ao ser perguntado pelos eurodeputados sobre como o BCE garantirá a igualdade de condições quando as instituições financeiras situadas em Londres escolherem um lugar após o Brexit.

Uma das questões mais relevantes na negociação entre UE e Reino Unido nos termos do Brexit será a definição das condições para as instituições financeiras que hoje têm sede oficial em Londres, e que após a retirada do país perderão o chamado passaporte que as permite operar no conjunto da União Europeia.

 

Últimas Notícias

Virada cultural - Aparecida se prepara para “respirar cultura”
Gustavo Mendanha dá início à construção do novo Paço Municipal
Em Nice, feridas seguem abertas em famílias despedaçadas por atentado
Iceberg gigante se desprende da Antártica
Washington limita compra de software da empresa russa Kaspersky
Nova York anuncia plano de US$ 32 milhões contra ratos
Cientistas desenvolvem método não invasivo para avaliar artérias coronárias
Pequenas mudanças nos hábitos alimentares podem prolongar vida

MAIS NOTICIAS

 


MUNDO
George Pell se defende: abuso sexual é abominável

O Cardeal George Pell afirmou nesta quinta-feira que entraria de licença do Vaticano para retornar à Austrália e lutar contra as acusações de abuso sexual infantil.

 
 
TECNOLOGIA
iPhone chegava há 10 anos; conheça a birra que levou Steve Jobs a criá-lo

Alguns dos maiores aparelhos surgem de um momento de inspiração de um designer. Outros resultam de um avanço na tecnologia.

 
 
POLÍTICA
Indicada sob dúvidas, Dodge tem desafio de manter biografia intacta

A indicação da procuradora Raquel Dodge para a sucessão de Rodrigo Janot na chefia da Procuradoria-Geral da República naturalmente vem carregada de questionamentos.

 
 
POLÍTICA
STF envia denúncia contra Temer para a Câmara

A presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), ministra Cármen Lúcia, enviou nesta quinta (29) a denúncia contra o presidente Michel Temer para a Câmara dos Deputados.

 


 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 4018-8212