Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


25 de Jul de 2017 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Transmissão mais lenta de oxigênio na placenta faz um gêmeo mais inteligente - Jornal Brasil em Folhas
Transmissão mais lenta de oxigênio na placenta faz um gêmeo mais inteligente


Washington, 16 jun (EFE).- A transmissão mais lenta de oxigênio da placenta da mãe para um dos gêmeos explica porque um deles é mais inteligente do que o outro, segundo um estudo publicado nesta sexta-feira na revista especializada Scientific Reports.

A pesquisa, realizada no Hospital da Infância de Boston, se baseou no controle de fatores genéticos e de risco maternal em sete mulheres com entre 29 e 34 semanas de gravidez, e demonstrou que, ainda que os gêmeos compartilhem a placenta, esta se divide em dois compartimentos e um se torna mais saudável do que o outro.

A diretora do Centro de Ciências Neurológicas, Neurológicas Fetais e Neonatais do hospital, Ellen Grant, e o principal pesquisador do Laboratório de Pesquisa em Eletrônica no Massachusetts Institute of Technology (MIT), Elfar Adalsteinsson, desenvolveram o método não invasivo que monitora o fornecimento de oxigênio através da placenta em tempo real, através de uma imagem por ressonância magnética.

Esta técnica, denominada nível dependente de oxigênio em sangue (BOLD, na sigla em inglês) e baseada em um sinal que reflete as variações locais e transitórias da quantidade de oxigênio transportado pela hemoglobina em função da atividade neuronal do cérebro, mostrou que as placentas disfuncionais têm grandes regiões nas quais a transmissão de oxigênio para o feto é mais lenta.

Os pesquisadores descobriram que esta transferência de oxigênio mais pausada da mãe para o bebê através da placenta prediz um crescimento do feto mais retardado e um desenvolvimento menor do cérebro e do fígado.

Até agora, não tínhamos maneira de ver a função placentária regional ao vivo. O ultrassom Doppler, o método clínico atual de avaliar a função placentária, mede o fluxo sanguíneo nas artérias umbilicais e outros vasos fetais, mas não indica quanto oxigênio ou nutrientes estão sendo transportados da mãe para o feto, assegurou Grant.

A partir destes resultados, o próximo objetivo destes científicos será averiguar as causas da variação no transporte de oxigênio na placenta, além de identificar possíveis riscos que seriam motivo de preocupação em uma gravidez.

 

Últimas Notícias

Gustavo Mendanha dá início à construção do novo Paço Municipal
Em Nice, feridas seguem abertas em famílias despedaçadas por atentado
Iceberg gigante se desprende da Antártica
Washington limita compra de software da empresa russa Kaspersky
Nova York anuncia plano de US$ 32 milhões contra ratos
Cientistas desenvolvem método não invasivo para avaliar artérias coronárias
Pequenas mudanças nos hábitos alimentares podem prolongar vida
Novo exame de sangue pode ajudar na detecção precoce do câncer de pâncreas

MAIS NOTICIAS

 


MUNDO
George Pell se defende: abuso sexual é abominável

O Cardeal George Pell afirmou nesta quinta-feira que entraria de licença do Vaticano para retornar à Austrália e lutar contra as acusações de abuso sexual infantil.

 
 
TECNOLOGIA
iPhone chegava há 10 anos; conheça a birra que levou Steve Jobs a criá-lo

Alguns dos maiores aparelhos surgem de um momento de inspiração de um designer. Outros resultam de um avanço na tecnologia.

 
 
POLÍTICA
Indicada sob dúvidas, Dodge tem desafio de manter biografia intacta

A indicação da procuradora Raquel Dodge para a sucessão de Rodrigo Janot na chefia da Procuradoria-Geral da República naturalmente vem carregada de questionamentos.

 
 
POLÍTICA
STF envia denúncia contra Temer para a Câmara

A presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), ministra Cármen Lúcia, enviou nesta quinta (29) a denúncia contra o presidente Michel Temer para a Câmara dos Deputados.

 


 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 4018-8212