Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


24 de Ago de 2017 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Aliados de Washington na Otan devem aumentar gasto militar em 4,3% em 2017 - Jornal Brasil em Folhas
Aliados de Washington na Otan devem aumentar gasto militar em 4,3% em 2017


Os aliados dos Estados Unidos na Otan elevarão em 4,3% o gasto militar em 2017, antecipou nesta quarta-feira o secretário-geral da Aliança, Jens Stoltenberg, um mês depois das críticas do presidente americano, Donald Trump.

E este ano, em 2017, prevemos um aumento real inclusive maior, de 4,3%, ou seja, o terceiro ano consecutivo de aumento do investimento militar nos países da Aliança, afirmou Stoltenberg no quartel-general da Otan em Bruxelas, na véspera de uma reunião dos ministros da Defesa.

O aumento do gasto militar de seus aliados é uma das reclamações tradicionais de Washington na Otan. Em 2014, o então presidente Barack Obama conseguiu que os membros da Aliança se comprometessem a aproximar o gasto militar nacional a 2% do PIB no prazo de uma década.

Ao lado dos Estados Unidos, apenas Grécia, Estônia, Reino Unido e Polônia cumprem a meta. Outros países desejam que outros critérios sejam levados em consideração na análise.

Em uma reunião de cúpula em Bruxelas no fim de maio, Donald Trump insistiu na pressão e afirmou que 23 das (então) 28 nações membros ainda não pagam o que deveriam e acusou alguns aliados de dever enormes quantias de dinheiro.

Celebramos o fato de que o presidente Trump se concentre nos gastos em defesa e em uma melhor distribuição da carga, já que devemos colocar em prática aquilo que acordamos, destacou Stoltenberg, para quem os aliados devem gastar mais não apenas para atender os Estados Unidos, mas também por seu próprio interesse.

O aumento anunciado para 2017 pelos aliados de Washington representaria quase 12 bilhões de dólares, o que elevaria o aumento do gasto militar na Europa e Canadá em 46 bilhões de euros em três anos, segundo o secretário-geral da Otan.

Os ministros da Defesa devem abordar a questão em uma reunião na quinta-feira, após a incorporação no início do mês de Montenegro como membro da Otan.

 

Últimas Notícias

Sudeste da China está em alerta perante chegada do tufão Hato
Acompanhado por milhões de pessoas, eclipse total do sol acaba nos EUA
Trump observa eclipse solar sem proteção por segundos e viraliza na rede
Presidente Buhari retorna à Nigéria após tratamento em Londres
Destroços de navio da II Guerra Mundial encontrados após 72 anos
Indiana obtém divórcio porque sua casa não tinha banheiro
Grupo de executivos adverte sobre riscos de robôs assassinos
EUA, México e Canadá defendem Nafta melhorado em ritmo rápido

MAIS NOTICIAS

 

CIDADES
Agetul diz que não ‘vê motivo’ para indenizar vítimas Mutirama

O presidente Agetul, Alexandre Magalhães, responsável pelo Parque Mutirama, disse que “não vê motivo” para indenizar as 13 pessoas que se feriram depois de um problema no brinquedo Twister.

 
 
ESPORTE
Neymar evita mal-estar com o Barcelona na apresentação no PSG

Suas primeiras palavras como jogador do Paris Saint Germain (PSG) giraram em torno de uma única ideia. “Quero desafios maiores”, repetiu Neymar em sua apresentação aos meios de comunicação em uma sala de imprensa lotada.

 
 
POLÍTICA
Partidos da base pressionam Temer por cargos de infiéis em votação

Partidos da base aliada de Michel Temer que votaram em massa a favor do presidente, derrubando a denúncia da Procuradoria-Geral da República.

 
 
MUNDO
George Pell se defende: abuso sexual é abominável

O Cardeal George Pell afirmou nesta quinta-feira que entraria de licença do Vaticano para retornar à Austrália e lutar contra as acusações de abuso sexual infantil.

 


 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 4018-8212