Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


21 de Nov de 2017 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Peru apresenta imagem da Senhora de Cao, que governou há 1.700 anos - Jornal Brasil em Folhas
Peru apresenta imagem da Senhora de Cao, que governou há 1.700 anos


Autoridades peruanas apresentaram nesta terça-feira a imagem do rosto da mulher que governou o norte do país há 1.700 anos, a Senhora de Cao, reconstruída de forma digital, que é considerada uma das mulheres mais poderosas do Peru pré-hispânico.

Como foi a descoberta da Senhora de Cao, que revelou a liderança política e religiosa feminina nesta riquíssima cultura do norte do Peru, agora temos o privilégio de apresentar a combinação entre futuro e passado: a tecnologia nos permite ver o rosto de uma líder política, religiosa, cultural do passado, disse o ministro da Cultura, Salvador del Solar, ao inaugurar em Lima a exposição na qual é possível observar a imagem e uma réplica da múmia da Senhora de Cao.

A reconstrução do rosto foi coordenada por arqueólogos e especialistas, que trabalharam nos últimos 10 meses com imagens digitalizadas e em 3D a partir de mostras de rostos de moradores da localidade de Magdalena de Cao (norte), no vale de Chicama, área da cultura pré-hispânica Mochica.

A Senhora de Cao é reconhecida pelos arqueólogos como uma das primeiras governantes mulheres do antigo Peru, no século IV d.C.

A descoberta da múmia da Senhora de Cao, em 2006, foi coordenada pelo arqueólogo Régulo Franco e aconteceu na província de Ascope, 700 km ao norte de Lima.

A descoberta aconteceu na pirâmide Cao Velho, onde os especialistas encontraram uma mulher tatuada que depois foi chamada de Senhora de Cao ou Dama de Cao. A tumba está cercada por cetros de madeira forrados de cobre, utilizados nas cerimônias como símbolos de poder e hegemonia, além de placas de metal soltas que cobriam a mortalha de algodão natural. No local atualmente existe um museu, onde a múmia original está em exposição.

A descoberta foi considerada um marco, porque até então se acreditava que nenhuma mulher havia exercido qualquer autoridade no Peru pré-hispânico.

 

Últimas Notícias

Marconi presta homenagem a Aristides Junqueira, “grande guardião da Constituição de 1988”
Fux diz que decisão da Alerj é promíscua e será revista pelo STF
Marlúcio e Isaura Lemos promovem audiência pela consciência negra
Prefeitas goianas prestam homenagem ao governador em agradecimento pela parceria administrativa
Instituto de Identificação vai entregar carteira de identidade em 30 dias na capital
Nota Goiana inscreve até domingo para sorteio deste mês
IMB/Segplan e IBGE divulgam PIB de Goiás
Goiás sem Fronteiras promove última reunião com pais e alunos antes da viagem de jovens para os EUA

MAIS NOTICIAS

 

Estado entrega mais de 100 moradias em Mara Rosa e Cheque Mais Moradia para Amaralina e Bonópolis
 
 
Câmara aprova mais 81 municípios de Minas Gerais e do Espírito Santo na Sudene
 
 
Disputa entre taxistas e motoristas de aplicativos agora vai para a Câmara
 
 
Temer volta a Brasília e deve retomar agenda de trabalho no Planalto
 
 
Ministro da Justiça confirma críticas à segurança do estado do Rio
 
 
Banco Safra pagará US$ 10 milhões por movimentar dinheiro desviado por Maluf

 


 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 4018-8212