Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


21 de Ago de 2017 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Mãe de Taylor Swift diz em depoimento que suposta agressão estilhaçou confiança - Jornal Brasil em Folhas
Mãe de Taylor Swift diz em depoimento que suposta agressão estilhaçou confiança


DENVER (Reuters) - Independentemente de Taylor Swift ganhar ou perder a batalha judicial decorrente da alegação de que foi apalpada por um radialista de Denver, o incidente já reduziu a confiança da cantora no público e a tornou menos aberta a seus fãs, disse a mãe da artista em depoimento durante o julgamento da ação.

Andrea Swift, que faz parte da equipe de empresários da filha, depôs na quarta-feira no julgamento que está colocando a cantora vencedora do Grammy contra o homem que ela acusa de agressão sexual, o radialista David Mueller.

O júri do Tribunal Distrital dos EUA está avaliando a acusação de Taylor Swift de que Mueller apertou suas nádegas durante uma recepção a fãs antes de um show em 2013 e a alegação do radialista de que ele foi falsamente acusado e consequentemente demitido de seu trabalho.

Isso absolutamente estilhaçou nossa confiança, disse Andrea Swift, de 59 anos, sobre o suposto incidente, acrescentando que desde então eventos de encontros com fãs foram reduzidos e que detectores de metal foram colocados em todos os eventos em que sua filha interage com o público.

De acordo com a artista de 27 anos, Mueller colocou a mão por baixo de seu vestido enquanto os dois posavam para fotos, ao lado da namorada de Mueller.

A mãe da cantora foi chamada pelo advogado de Mueller, Gabriel McFarland, para testemunhar, no dia seguinte, mas seu depoimento foi tudo menos favorável para o ex-radialista da estação de rádio KYGO-FM.

A mãe de Taylor disse que ela queria vomitar quando sua filha disse: Mãe, um cara acabou de apertar minha bunda no encontro com fãs.

Perguntada se buscou testemunhas para verificar a acusação, Andrea disse que não havia nenhum motivo para duvidar da palavra de sua filha.

Ele agrediu sexualmente minha filha, bem ali, aquele cara, disse Andrea Swift, apontando para Mueller. Eu ouvi da boca da minha filha. Eu sei que aconteceu.

 

Últimas Notícias

O que Neymar pode nos ensinar sobre carreira
Mesmo sem vitórias na Alemanha, KRT assegura pódio em Lausitzring
Agehab participa de Fórum Nacional de Habitação de Interesse Social em São Paulo
Marconi elogia parceria entre Caixa e Agehab
Deputado Marlúcio confirma que recebeu convite do PTB
Em encontro com Marconi, embaixador da Alemanha diz que Goiás tem potencialidades excelentes
Gustavo anuncia cumprimento do Plano de Carreira dos servidores da saúde
Sindacse elogia esforço de Gustavo em atender demandas dos agentes de saúde

MAIS NOTICIAS

 


CIDADES
Agetul diz que não ‘vê motivo’ para indenizar vítimas Mutirama

O presidente Agetul, Alexandre Magalhães, responsável pelo Parque Mutirama, disse que “não vê motivo” para indenizar as 13 pessoas que se feriram depois de um problema no brinquedo Twister.

 
 
ESPORTE
Neymar evita mal-estar com o Barcelona na apresentação no PSG

Suas primeiras palavras como jogador do Paris Saint Germain (PSG) giraram em torno de uma única ideia. “Quero desafios maiores”, repetiu Neymar em sua apresentação aos meios de comunicação em uma sala de imprensa lotada.

 
 
POLÍTICA
Partidos da base pressionam Temer por cargos de infiéis em votação

Partidos da base aliada de Michel Temer que votaram em massa a favor do presidente, derrubando a denúncia da Procuradoria-Geral da República.

 
 
MUNDO
George Pell se defende: abuso sexual é abominável

O Cardeal George Pell afirmou nesta quinta-feira que entraria de licença do Vaticano para retornar à Austrália e lutar contra as acusações de abuso sexual infantil.

 


 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 4018-8212