Tensão entre Alemanha e Rússia por suposto estupro de adolescente

0 Shares
0
0
0
0

A Alemanha pediu nesta quarta-feira que a Rússia se abstenha de explorar politicamente o suposto estupro por imigrantes de uma adolescente russa-alemã, um caso que, segundo Moscou, a Justiça alemã quer esconder.

Na Alemanha temos um Estado de Direito e um sistema judiciário independente (…) e esta justiça deve trabalhar em silêncio e sem interferências externas, declarou o porta-voz do governo, Steffen Seibert.

Na terça-feira, o ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergey Lavrov, acusou a polícia alemã de esconder por muito tempo este caso, e rejeitou o argumento das forças de segurança da Alemanha que indicaram que a jovem se escondeu voluntariamente por 30 horas.

Nos alegra o grande interesse do governo russo pela transparência e objetividade da justiça alemã, ironizou o porta-voz da chancelaria alemã, Martin Schaffer.

Em 11 de janeiro, uma adolescente de dupla nacionalidade, alemã e russa, de 13 anos desapareceu em Berlim durante 30 horas. De acordo com a primeira declaração da menina, ela foi estuprada e espancada por pessoas com aparência mediterrânea.

Mas após as primeiras análises periciais, a polícia determinou que as relações sexuais foram consensuais. No entanto, a promotoria mantém uma investigação pelo desaparecimento de uma menor.

A imprensa russa, especialmente os veículos ligados ao governo, acusam a polícia alemã de querer esconder os fatos para defender a política de portas abertas do governo de Angela Merkel em relação aos refugiados. – BRASIL EM FOLHAS COM AGÊNCIAS DE NOTÍCIAS – I3D 1208

0 Shares
You May Also Like