Agrodefesa apreende meia tonelada de queijo em Morro Agudo

0 Shares
0
0
0
0

Após denúncia anônima, fiscais da Unidade Regional Rio das Almas, da Agrodefesa, apreenderam 500 kg de produtos lácteos em uma fábrica clandestina em Morro Agudo. Foram apreendidos queijos que eram fabricados de forma inadequada. Os fiscais também encontraram rótulos falsificados que seriam usados para embalar os alimentos. Os produtos foram inutilizados e o proprietário multado em R$ 11 mil.

A fiscal Erika Gomes conta que o estabelecimento não possuía estrutura nem equipamentos adequados para o funcionamento. “Além disso, o proprietário não tinha registro em nenhum órgão de inspeção”, diz a fiscal. Segundo ela, os alimentos estavam em péssimas condições higiênico-sanitárias.“Encontramos os produtos acondicionados de forma inadequada, cobertos com lonas pretas e em tambores, e alguns já em estado de putrefação”, detalha ela. A ação aconteceu na última quinta-feira, dia 18.

Erika explica que para uma pessoa produzir de forma legal qualquer tipo de produto, deve procurar o serviço de inspeção junto à Agrodefesa, para registrar o estabelecimento e adequar a estrutura. “As pessoas precisam ter a consciência que alimentação envolve saúde pública e necessita ter o mínimo de cuidado. Então deverão seguir todo o critério de inspeção para ter suas fábricas funcionando de forma adequada”, destaca. – BRASIL EM FOLHAS COM AGÊNCIAS DE NOTÍCIAS – I3D 4135

0 Shares
You May Also Like