JP corta Petrobras, Bradesco aprova aumento de capital e mais 4 notícias no radar

0 Shares
0
0
0
0

SÃO PAULO – Após o Ibovespa subir 2,6% ontem e o dólar chegar a seu menor nível no ano, o mercado ficará bastanete atento ao noticiário corporativo desta quinta-feira (4). Confira as principais notícias:

Petrobras As ações da Petrobras (PETR3; PETR4) tiveram suas recomendações cortadas de neutra para underweight (abaixo do desempenho do mercado) pelo JP Morgan. A companhia está em busca de alternativas para concluir as obras do Comperj (Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro).

Bradesco O Conselho de Administração do Bradesco (BBDC4; BBDC4) propôs nesta quarta-feira um aumento de capital social de 8 bilhões de reais com reservas de lucros e bonificação de ações, depois de ter cancelado uma operação de 3 bilhões de reais mais cedo nesta quarta-feira.

A medida, que ainda será deliberada por acionistas em assembleia em 10 de março, terá emissão de 504.872.885 novas ações, sendo 252.436.456 ordinárias e 252.436.429 preferenciais. Estes papéis serão atribuídos gratuitamente aos acionistas na proporção de 1 nova ação para cada 10 ações da mesma espécie.

CSN A CSN (CSNA3) foi cortada de B1 para Caa1 pela agência de classificação de risco Moodys. A perspectiva continua negativa.

Banco ABC O banco ABC Brasil teve um lucro líquido de R$ 105,5 milhões no quarto trimestre de 2015. As estimativas eram de que o resultado ficasse em R$ 91,2 milhões.

Educacionais As companhias do setor educacional, Kroton (KROT3), Anima (ANIM3), Ser (SEER3) e Estácio (ESTC3) disseram que a associação Abraes obteve acordo para que as escolas recebam créditos do Fies (Fundo de Financiamento Estudantil) de 2015 a partir deste ano, até 2018. O Ministério da Educação não vai limitar reajuste de mensalidade do Fies, segundo informações do Estado de S. Paulo.

Porto Seguro A Porto Seguro (PSSA3) aprovou a recompra de até 5 milhões ordinárias em 1 ano. A companhia ainda divulgou o seu resultado do quarto trimestre do ano passado. O lucro da companhia foi de R$ 294 milhões, ante estimativa de R$ 318,8 milhões. A receita da empresa foi de R$ 4,47 bilhões. – BRASIL EM FOLHAS COM AGÊNCIAS DE NOTÍCIAS – I3D 2515

0 Shares
You May Also Like