Líder norte-coreano defende lançamento de mais satélites

0 Shares
0
0
0
0

O líder da Coreia do Norte, Kim Jong-Un, desafiou novamente a comunidade internacional, ao convocar seus cientistas a lançar outros satélites, uma semana depois do controverso disparo de um foguete.

Durante um banquete organizado para felicitar os pesquisadores, técnicos e responsáveis do programa espacial norte-coreano pelo lançamento de 7 de fevereiro, Kim indicou que esta missão ocorreu em um período complexo no qual as forças hostis buscam estrangular o Norte, informou nesta segunda-feira a agência oficial KCNA.

Um mês depois de realizar seu quarto teste nuclear, condenado de forma unânime pela comunidade internacional, a Coreia do Norte foi novamente alvo das críticas internacionais por ter lançado o satélite Kwangmyongsong-4.

Este disparo, considerado um teste de míssil balístico, viola múltiplas resoluções das Nações Unidas.

O líder norte-coreano afirmou que o êxito deste lançamento havia sido possível graças à confiança absoluta da equipe do partido governante e acrescentou que o suor dos cientistas foi o principal combustível do foguete.

Kim encorajou os funcionários do programa espacial norte-coreano a utilizar este êxito como um trampolim para objetivos mais elevados e para lançar, assim, mais satélites.

O foguete lançado em 7 de fevereiro por Pyongyang conseguiu colocar um objeto em órbita, segundo um responsável sul-coreano da Defesa. Até o momento, não ficou confirmado que se trate de um satélite em funcionamento.

Washington, Seul e Tóquio buscam que o Conselho de Segurança endureça as sanções contra Pyongyang.
– BRASIL EM FOLHAS COM AGÊNCIAS DE NOTÍCIAS – I3D 3347

0 Shares
You May Also Like