Saneago obtém 2º lugar no ranking das prestadoras regionais

0 Shares
0
0
0
0

Goiânia é a cidade brasileira com o menor índice de perda de água na distribuição. O ranking relativo ao ano de 2014 foi revelado pelo Ministério das Cidades, por meio da Secretaria Nacional de Saneamento Ambiental (SNSA), que divulgou o Diagnóstico dos Serviços de Água e Esgoto, feito com base em dados do Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento (SNIS).

Médias

Enquanto a média nacional em 2014 foi de 36,7%, a capital goiana apresentou um índice menor: 21,1%. Entre as empresas prestadoras de serviços de abrangência regional, a Saneago ficou com a segunda colocação (28,6%), logo após a Companhia de Saneamento Ambiental do Distrito Federal (Caesb), tendo sidos ambas as únicas que registraram um indicador abaixo de 30% em todo o Brasil.

O critério analisado no relatório refere-se ao índice de água perdida durante a distribuição, ou seja, até o hidrômetro dos consumidores. Essas perdas são ocasionadas, entre outros motivos, por vazamentos visíveis e não visíveis, pressões altas nas redes, problemas na operação dos sistemas, ligações clandestinas, aferição dos hidrômetros e ausência de programa de monitoramento de perdas. A classificação obtida pela Saneago reflete o tratamento prioritário que a redução de perdas recebe na empresa.

Ações desenvolvidas

Várias ações têm sido desenvolvidas nesse quesito, tais como: desenvolvimento de cadastro técnico, simulação hidráulica de sistemas de abastecimento de água, setorização de sistemas, modulação por meio de controle de pressão, macromedição, micromedição, automação e controle ativo de vazamentos na rede de distribuição.

Confira abaixo os gráficos que demonstram as situações mencionadas e clique aqui para acessar o Diagnóstico dos Serviços de Água e Esgoto 2014 na íntegra. – BRASIL EM FOLHAS COM AGÊNCIAS DE NOTÍCIAS – I3D 4287

0 Shares
You May Also Like