Falta de cadastro impede entrada no Simples

0 Shares
0
0
0
0

Alguns dos pequenos e microempresários goianos que montaram empresas novas recentemente e pediram ingresso no Simples Nacional tiveram o termo de opção indeferido pela Secretaria da Fazenda, por falta de inscrição cadastral. O indeferimento de 30 empresas foi publicado no Diário Oficial do Estado (DOE) na última quinta-feira, dia 7. Elas têm prazo de 15 dias para regularizar as inscrições.

Mensalmente a Sefaz publica listas dos pedidos de indeferimentos, como estabelece o comitê gestor do Simples Nacional. Os interessados, em sua maioria, recorrem da decisão e entram no programa desde que tenham inscrição no Cadastro de Contribuintes e não estejam inscritos na dívida ativa do Estado.
– BRASIL EM FOLHAS COM AGÊNCIAS DE NOTÍCIAS – I3D 7818

0 Shares
You May Also Like