Novo estudo aponta dados climáticos de Marte

0 Shares
0
0
0
0

Um novo estudo publicado na revista Science fornece evidências de que o planeta vermelho era um lugar totalmente diferente há aproximadamente 370.000 anos atrás. Naquela época, Marte vivia a mais recente era glacial, segundo o estudo.

Pesquisas anteriores de modelagem climática revelaram que Marte já presenciou eras do gelo como a Terra, mas graças a este novo estudo os cientistas têm agora uma data mais específica para a alteração do clima do planeta vermelho. “Marte não é um lugar estático,” disse Isaac Smith, co-autor do novo estudo, em uma entrevista. “Futuros astrônomos estão indo para ver um lugar muito diferente.”

Os cientistas sabem há muito tempo que , como a Terra , Marte passa por mudanças em seu clima global, devido à inclinação do eixo do planeta e mudanças relativamente pequenas em sua órbita ao redor do sol. Smith e sua equipe foram capazes de datar a idade do gelo graças a dados de radar recolhidos pela Mars Reconnaissance Orbiter.” Este é um trabalho muito importante , original e único “, disse Smith. Os cientistas descobriram que, desde o final da última idade do gelo em Marte, cerca de 87.000 quilômetros cúbicos de gelo se acumularam nos pólos.

Esta medida exata permitirá aos investigadores produzir melhores modelos climáticos de Marte e talvez até mesmo nos dizer algo sobre a Terra.” Marte é uma espécie de laboratório simplificado para a compreensão da Terra. Lá não tem oceanos e ele não tem biologia “, acrescentou Smith. ” Por causa disso, poderemos aperfeiçoar a nossa compreensão da física de Marte para melhorar a nossa compreensão da física da Terra. ” – BRASIL EM FOLHAS COM AGÊNCIAS DE NOTÍCIAS – I3D 11326

0 Shares
You May Also Like