Talibã sequestra tripulação de helicóptero paquistanês no Afeganistão

0 Shares
0
0
0
0

O consórcio Helicópteros Russos está analisando as causas da aterrissagem forçada de um helicóptero Mi-17 paquistanês no Afeganistão, informou hoje (5) o porta-voz da entidade.

A fonte informou à agência RIA Novosti que a aeronave, com pilotos paquistaneses a bordo, estava seguindo para um dos pontos de manutenção pertencente ao consórcio. Os peritos estão em contato permanente com o Ministério das Relações Exteriores do Paquistão e com o governo do país.

Segundo o porta-voz, o contrato de assistência técnica foi fechado em julho de 2016. De acordo com as informações, o helicóptero fazia um voo de Peshawar para a cidade de Bukhara, no Uzbequistão, quando houve a aterrissagem forçada.

Sete pessoas que seguiam a bordo do Mi-17, incluindo um cidadão russo, foram feitas reféns por militantes do Talibã. – BRASIL EM FOLHAS COM AGÊNCIAS DE NOTÍCIAS – I3D 15470

0 Shares
You May Also Like