Pegada gigante de dinossauro é descoberta na Mongólia

0 Shares
0
0
0
0

Uma pegada de dinossauro de mais de um metro de extensão, uma das maiores já registradas, foi descoberta no Deserto de Gobi por uma equipe de pesquisadores mongóis e japoneses, revelou a Universidade de Ciências de Okayama.

A pegada, deixada por um titanossauro, mede 106 cm de extensão e 77 cm de largura e foi descoberta em agosto, em uma camada geológica formada entre 70 e 90 milhões de anos.

O titanossauro é um dinossauro de pescoço longo, que pode ter medido mais de 30 metros de comprimento e 20 metros de altura, segundo os pesquisadores.

A pegada deixada pelo animal no barro foi moldada naturalmente quando de encheu de areia.

É uma descoberta muito rara, uma pegada fossilizada e bem conservada, que mede um metro de extensão e tem as marcas das garras, assinala o comunicado da Universidade de Okayama, que trabalha em conjunto com a Academia de Ciências da Mongólia.
– BRASIL EM FOLHAS COM AGÊNCIAS DE NOTÍCIAS – I3D 18731

0 Shares
You May Also Like