Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


16 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Opep prevê retorno ao equilíbrio do mercado petroleiro em 2016 - Jornal Brasil em Folhas
Opep prevê retorno ao equilíbrio do mercado petroleiro em 2016


A Organização dos Países Exportadores de Petróleo prevê um retorno ao equilíbrio do mercado petroleiro em 2016, devido a um corte da produção dos concorrentes afetados pela política de preços baixos impulsionada pelo cartel.

A produção dos países não pertencentes à Organização de Países Exportadores de Petróleo (Opep) deve cair em 2016, depois de anos de crescimento fenomenal, indica a Opep em seu relatório mensal emitido em sua sede de Viena.

O relatório não diz nada a respeito do Irã, membro da Opep que nesta segunda-feira anunciou um aumento de sua produção de 500.000 bd, graças à suspensão das sanções internacionais impostas ao país.

A Opep previa em dezembro que a queda da produção seria de 380.000 barris diários (bd) em 2016, mas agora praticamente duplicou sua projeção e acredita que o corte será de 600.000 bd.

Dois mil de desesseis será o ano do retorno ao equilíbrio, estima.

O anúncio confirma a estratégia da Arábia Saudita de inundar o mercado para manter sua fatia de mercado, apesar das reclamações de outros membros da Opep, que pediam uma produção menor para enfrentar a queda de preços.

O barril de petróleo perdeu quase a metade de seu valor em 2015. Atualmente é negociado a menos de 30 dólares, um valor considerado improvável há poucos meses.

A produção dos produtores externos à Opep chegou a 56,87 milhões de barris diários (mbd), mas nesse ano deve cair para 56,21 milhões, principalmente por cortes da produção nos Estados Unidos (-0,38 mbd). A produção russa, que bateu o recorde de 10,90 mbd em dezembro, também deve cair, segundo as previsões da Opep.

O mercado mantém uma persistente abundância de oferta, indica o relatório, estimando que o excedente ainda será de aproximadamente 2 mbd em 2016. O equilíbrio poderá ser atingido com uma redução de 31,65 mbd da produção do cartel, ao qual a Indonésia acaba de se juntar.

A produção petroleira da Opep no ano passado foi de 31,85 mbd.

 

Últimas Notícias

Presidente Díaz-Canel defende trabalho de médicos cubanos no Brasil
Ministério vai lançar edital para repor vagas de médicos cubanos
CFM afirma que há médicos suficientes para atender Brasil
Associação lança projeto para conscientizar população sobre diabetes 2
Transposição do S. Francisco está na pauta de prioridades da transição
Temer inaugura primeira etapa do acelerador de elétrons Sirius
Temer diz que decidirá “lá na frente” reajuste de ministros do STF
Só um governador do Nordeste participa de encontro em Brasília

MAIS NOTICIAS

 

Volume de vendas do varejo cai 1,3% em setembro
 
 
Gilmar Mendes suspende decisão que obriga bancos a ressarcir clientes
 
 
Prefeitos e secretários pedem para manter cubanos no Mais Médicos
 
 
Em depoimento, Lula nega que é dono de sítio em Atibaia
 
 
Mega-Sena acumula e pode pagar R$ 33 milhões no próximo sorteio
 
 
Enem: estudantes fazem hoje prova de matemática e ciências da natureza

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212