Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


25 de Mar de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Nasa tentará inflar módulo BEAM na Estação Espacial Internacional - Jornal Brasil em Folhas
Nasa tentará inflar módulo BEAM na Estação Espacial Internacional


A Nasa tentará, de novo, no sábado inflar o módulo BEAM, um habitáculo temporário na Estação Espacial Internacional, depois de uma primeira tentativa que falhou esta semana devido a um excesso de fricção.

Nos deparamos com forças maiores às que nossos modelos tinham previsto, explicou à imprensa o diretor de Sistemas Avançados de Exploração, Jason Crusan.

A Nasa tentou na quinta-feira (26) expandir o chamado Módulo de Atividade Expansiva Bigelow (BEAM) que faz parte de um experimento para promover habitáculos que os astronautas possam usar em missões à Lua ou Marte nas próximas décadas.

A operação de expansão do módulo foi suspensa após duas horas de trabalho, realizado pelo astronauta Jeff Williams em coordenação com o centro de controle em Houston, no Texas.

Neste ponto nós decidimos suspender a operação de pressurização, assinalou Crusan.

A empresa Bigelow, que desenvolve este tipo de módulo como parte de um contrato de 18 milhões de dólares com a Nasa, afirmou em um comunicado que apoia plenamente a decisão de fazer uma pausa na operação de expansão.

O módulo foi submetido a uma grande pressão durante mais de 15 meses, que é 10 meses a mais do que o previsto. Portanto, há uma possibilidade de que os materiais que compõe a parte exterior do habitáculo espacial possam responder de maneira diferente à esperada, aponta o texto.

O plano é que os astronautas possam ingressar em várias ocasiões no BEAM durante dois anos para provar sua capacidade de proteção contra a radiação espacial.

Completamente expandido, o módulo mede em torno de quatro metros de comprimento por 3,23 metros de largura.

Se na operação de expansão, no sábado, surgirem novos problemas, a Nasa tem previsto esvaziá-lo por completo e voltar a tentar nos dias seguintes.

Estamos muito confiantes que ele poderá ser inflado por completo em algum momento, indicou Crusan.

 

Últimas Notícias

Jovens têm menos chance de contratação e mais de serem demitidos
Bolsa cai e dólar fecha em R$ 3,80
Araújo: dispensa de status especial na OMC nos coloca como país grande
Países sul-americanos devem sair de uma só vez da Unasul, diz ministro
Chanceler descarta emprego das Forças Armadas na Venezuela
Moçambique, Zimbábue e Malauí tentam identificar vítimas de ciclone
Nova Zelândia quer proibir, em abril, venda de armas do tipo militar
Conselho Europeu aceita prorrogar saída do Reino Unido para maio

MAIS NOTICIAS

 

Copom inicia reunião nesta terça para definir taxa básica de juros
 
 
Mercado reduz projeção de crescimento da economia de 2,28% para 2,01%
 
 
Atividade econômica tem queda de 0,41% em janeiro, diz BC
 
 
Governo lança edital de estudos para concessão de 22 aeroportos
 
 
Governo do Rio anuncia rompimento da concessão do Maracanã
 
 
Conflitos e segurança poderão contar pontos na avaliação de escolas

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212