Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


21 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Turquia e Israel assinam acordo para normalizar relações após 6 anos - Jornal Brasil em Folhas
Turquia e Israel assinam acordo para normalizar relações após 6 anos


Turquia e Israel assinaram um acordo nesta terça-feira para normalizar as relações após uma desavença que durou seis anos, formalizando um entendimento que o secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), Ban Ki-moon, disse representar um sinal de esperança para a estabilidade regional.

O acordo, anunciado na segunda-feira pelos primeiros-ministros dos dois países, foi uma reaproximação rara no dividido Oriente Médio, impulsionada pela perspectiva de acordos de comercialização de gás no Mar Mediterrâneo e pelos temores mútuos dos riscos de segurança crescentes.

O pacto foi assinado oficialmente nesta terça-feira pelo subsecretário de Relações Exteriores turco, Feridun Sinirlioglu, em Ancara, e pelo diretor-geral do Ministério das Relações Exteriores de Israel, Dore Gold, em Jerusalém, informaram as autoridades.

As relações entre Israel e aquele que já foi seu principal aliado muçulmano desandaram depois que fuzileiros navais israelenses tomaram de assalto um navio de ativistas turcos que tentavam romper o bloqueio naval de Israel à Faixa de Gaza em maio de 2010, e mataram 10 turcos a bordo.

Conforme o acordo, o bloqueio, que Ancara queria ver suspenso, irá permanecer, mas a ajuda humanitária pode continuar a ser transferida para o território palestino de Gaza através dos portos israelenses.

Também na segunda-feira, o premiê turco, Binali Yildirim, disse que os dos países podem indicar embaixadores em uma semana ou duas.

 

Últimas Notícias

Brasil perdeu 7,2 milhões de linhas de celular no ano passado
Petrobras reduz em 3% GLP empresarial nas refinarias
Ministro do STJ nega pedido de prisão domiciliar a João de Deus
Escassez de chuvas leva governo a acionar termelétricas mais caras
Picciani, Paulo Melo e Albertassi serão julgados por Bretas
Suspensa permissão para deputada receber denúncias contra professores
MPT não descarta pedir bloqueio dos bens do Flamengo
Número de mortos identificados em Brumadinho chega a 151

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212