Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


24 de Jan de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Após visita a Aécio, Maia fala em união de deputados e senadores - Jornal Brasil em Folhas
Após visita a Aécio, Maia fala em união de deputados e senadores


No primeiro dia na presidência da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ) disse que é fundamental que a Câmara e o Senado trabalhem juntos na discussão dos temas de interesse da sociedade. Ele citou como prioridades projetos ligados à agenda econômica e a reforma política. Maia vai se encontrar, na tarde de hoje (14), com o presidente do Senado, Renan Calheiros.

“Nós, deputados e senadores, vamos trabalhar juntos, construir pautas em conjunto para que a gente possa superar a crise, reformar muitos temas no Brasil em conjunto. É fundamental que Câmara e Senado voltem a ter um diálogo saudável, o que deixamos de ter há muito tempo”, disse hoje (14) após visita ao senador Aécio Neves (PSDB-MG).

O primeiro ato do presidente da Câmara na Casa foi a visita ao gabinete de Aécio Neves, que é também presidente do PSDB, para agradecer o apoio a sua eleição. A legenda apoiou a candidatura de Maia.

Depois, ele passou no gabinete do senador Fernando Bezerra (PSB-PE), mas não encontrou o parlamentar. Maia esteve ainda na liderança do PMDB e do DEM, mas não encontrou parlamentares nos locais. No fim da manhã, foi recebido pelo presidente interino, Michel Temer, no Palácio do Planalto.

A reforma política foi um tema discutido com o senador Aécio Neves. “A reforma política talvez seja, fora dos temas econômicos, uma agenda urgente para que Câmara e Senado juntos possam debater e fazer mudanças um pouco mais profundas no sistema eleitoral brasileiro”, disse.

Rodrigo Maia foi eleito, em segundo turno de votação, para a presidência da Câmara com 285 votos. O deputado Rogério Rosso (PSD-DF) recebeu 170 votos. Maia ocupará o cargo até fevereiro do ano que vem.

Caso o Senado confirme o afastamento definitivo da presidenta Dilma Rousseff, o deputado fluminense passa a ser o segundo na linha sucessória do país. Em seu quinto mandato, Maia é filho do ex-prefeito do Rio de Janeiro Cesar Maia, já presidiu o Democratas e foi duas vezes líder do partido.

 

Últimas Notícias

Chega a 73 o número de mortos em explosão no México; feridos somam 74
Forte terremoto de magnitude 6,7 atinge o Chile
Mais de 150 imigrantes se afogam no Mar Mediterrâneo
Brasil e Europa vão ser interligados por novo cabo submarino
Acordo para mudar nome da Macedônia gera protestos em Atenas
Ghosn está disposto a aceitar qualquer condição para obter fiança
Bombeiros buscam pessoa desaparecida depois de tromba dágua no Rio
Mega-Sena acumula de novo e pode pagar R$ 38 milhões na quarta-feira

MAIS NOTICIAS

 

ANP aprova credenciamento de empresa certificadora
 
 
Política de combate à inflação foi bem-sucedida, diz presidente do BC
 
 
Marcos Pontes: fusão de Embraer e Boeing preserva interesses do país
 
 
Número de linhas de celular tem maior queda do ano em novembro
 
 
ANP: Petrobras pede prazo maior para definir quais campos vai explorar
 
 
Ex-presidente do Banco Central defende política econômica do governo

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212