Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


16 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Empresário bilionário divide conselho polêmico sobre finanças: não invista - Jornal Brasil em Folhas
Empresário bilionário divide conselho polêmico sobre finanças: não invista


O bilionário Mark Cuban é famoso por não medir palavras. Ao ser perguntado qual seria seu melhor conselho para fazer mais dinheiro investindo, a resposta da estrela de televisão e empresário foi um surpreendente conselho: “não invista”, aponta reportagem do site Business Insider. “O mercado pode subir por anos e você pensar que é rico, mas daí, em um microssegundo, um trade de alta frequência pode levar tudo embora”, aponta.

“É por isso que você deve deixar seu dinheiro no colchão, assim sua poupança está protegida no caso de algo dar errado”, comenta o bilionário. Esse “dinheiro no colchão” seria um fundo de emergência de seis meses de despesas pagas que ele recomenda que todas pessoas tenham.

Especialistas recomendam manter de três a nove meses de despesas em uma conta que possa ser acessada facilmente e que não deve ser mexida se não for uma emergência. “Eu sei que o dinheiro não rende muito no banco, mas você vai dormir muito melhor”, disse Cuban. Nos EUA, existem modalidades de conta corrente que trazem uma rentabilidade muito baixa para o investidor, de forma parecida, em alguns aspectos, com a poupança no Brasil.

No entanto, o conselho de investimento de Cuban vai na contramão da maior parte dos especialistas em finanças. Enquanto o consenso é que as pessoas comuns não devem tomar riscos para “bater o mercado”, a maior parte dos experts no assunto aconselham a manter alguma exposição no mercado de ações, mesmo que por planos de aposentadoria, para assim fazer com que os rendimentos superem a inflação.

Fundos de índice de baixo custo também são recomendados por algumas das pessoas mais ricas do mundo. Especialistas como Warren Buffett, Charles Schwab, John Bogle e Charlie Munger concordam que fundos de índice com baixas taxas são a melhor forma de uma pessoa comum investir.

“Ao investir periodicamente em um fundo de índice, o investidor que não sabe nada do mercado pode, na realidade, superar a maior parte dos profissionais de investimentos”, comenta Buffett.

Se você se sente confortável investindo ou não, o conselho de Cuban de construir um fundo de emergência antes de fazer outras decisões importantes com o dinheiro é ecoado pela maior parte dos experts em finanças. A hora de começar a poupar é agora.

 

Últimas Notícias

Presidente Díaz-Canel defende trabalho de médicos cubanos no Brasil
Ministério vai lançar edital para repor vagas de médicos cubanos
CFM afirma que há médicos suficientes para atender Brasil
Associação lança projeto para conscientizar população sobre diabetes 2
Transposição do S. Francisco está na pauta de prioridades da transição
Temer inaugura primeira etapa do acelerador de elétrons Sirius
Temer diz que decidirá “lá na frente” reajuste de ministros do STF
Só um governador do Nordeste participa de encontro em Brasília

MAIS NOTICIAS

 

Volume de vendas do varejo cai 1,3% em setembro
 
 
Gilmar Mendes suspende decisão que obriga bancos a ressarcir clientes
 
 
Prefeitos e secretários pedem para manter cubanos no Mais Médicos
 
 
Em depoimento, Lula nega que é dono de sítio em Atibaia
 
 
Mega-Sena acumula e pode pagar R$ 33 milhões no próximo sorteio
 
 
Enem: estudantes fazem hoje prova de matemática e ciências da natureza

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212