Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


18 de Jan de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Estado Islâmico reivindica ataque em trem; autoridades alemãs não confirmam - Jornal Brasil em Folhas
Estado Islâmico reivindica ataque em trem; autoridades alemãs não confirmam


O grupo terrorista Estado Islâmico reivindicou hoje (19) o ataque, com faca e machado, provocado por um jovem afegão de 17 anos em um trem em Wurzburg. O atentado ocorreu ontem (18) e deixou quatro pessoas feridas.

O autor do esfaqueamento na Alemanha é um combatente do Estado Islâmico e realizou esta operação em resposta aos apelos para atingir a coalizão que combate o Estado Islâmico, escreveu a agência dos jihadistas, a Amaq, citando fontes de sua segurança. A fala é praticamente a mesma da reivindicação de outro ataque, ocorrido em Nice, na França, no dia 14.

Autoridades do governo alemão confirmaram que foi encontrada uma bandeira do Estado Islâmico no apartamento onde o jovem vivia na Baviera. Porém, ressaltaram que ainda é cedo afirmar que o grupo terrorista está por trás do ataque.

Nós soubemos da reivindicação do EI, mas preciso dizer que as investigações ainda estão em curso e, até agora, não emergiram indícios sobre uma ligação do jovem de 17 anos com a rede do EI, disse o ministro do Interior, Joachim Herrmann, em entrevista à mídia do país. Ele ainda acrescentou que pessoas próximas ao rapaz informaram que ele era calmo, raramente ia à mesquita, e não era um radical aparente.

Segundo o titular da pasta, diversas testemunhas afirmaram que o rapaz gritou a frase Allahu Akbar (Deus é grande, em tradução livre) antes de começar a atingir as pessoas com um machado. Herrmann deu mais detalhes sobre as buscas no apartamento do jovem.

O ministro contou que um documento escrito em pashto, uma das línguas usadas no Afeganistão, encontrado no quarto do jovem indicava que ele se auto-radicalizou. Ele ainda acrescentou que as informações de que o rapaz tenha chegado ao país como refugiado não procedem e que não há indícios de como ele chegou à Alemanha.

Um bilhete de despedida também teria sido encontrado no apartamento e teria sido escrito como um adeus ao seu pai e um encorajamento para que os muçulmanos defendam sua religião.

 

Últimas Notícias

Inep divulga resultado do Enem
Frédéric Lamotte é o novo diretor geral da CA Indosuez Wealth (Miami) e responsável Global da região das Américas
A ACIRLAG chega para impulsionar o setor econômico da região Leste de Aparecida
Inep divulga notas do Enem na sexta-feira
Bolsonaro sanciona Lei do Orçamento 2019 de mais de R$ 3,3 trilhões
Parlamento venezuelano aprova acordo para entrada de ajuda humanitária
Imigrantes hondurenhos sofrem com obstáculos para passagem de caravana
Militares vão atuar de forma mais intensa no Programa Mais Médicos

MAIS NOTICIAS

 

ANP aprova credenciamento de empresa certificadora
 
 
Política de combate à inflação foi bem-sucedida, diz presidente do BC
 
 
Marcos Pontes: fusão de Embraer e Boeing preserva interesses do país
 
 
Número de linhas de celular tem maior queda do ano em novembro
 
 
ANP: Petrobras pede prazo maior para definir quais campos vai explorar
 
 
Ex-presidente do Banco Central defende política econômica do governo

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212