Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


16 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Um dos assassinos de igreja na França é identificado como Adel Kermiche - Jornal Brasil em Folhas
Um dos assassinos de igreja na França é identificado como Adel Kermiche


Um dos dois autores do ataque a uma igreja na França, onde um padre foi degolado, foi identificado formalmente nesta terça-feira como Adel Kermiche, de 19 anos e nascido na França, informou o procurador encarregado do caso, François Molins.

O segundo agressor ainda não foi identificado, acrescentou o procurador em uma declaração à imprensa, na qual confirmou que Kermiche tinha sido acusado em março de 2015 de ter vínculos com uma organização terrorista e foi solto com a condição de usar um bracelete eletrônico.

O ataque, no qual houve reféns, começou às 09H30 (05H30 Brasília), em plena missa. Cinco pessoas estavam nesta igreja de Saint-Etienne-du-Rouvray, uma localidade normanda de 29.000 habitantes a 125 quilômetros de Paris, quando dois agressores entraram no recinto, ao grito de Allah Akbar!, segundo uma testemunha.

Kermiche, originário da região, havia tentado em duas ocasiões viajar à Síria em 2015, confirmou Molins, procurador de Paris.

Ele foi detido pela primeira vez em 23 de março de 2015, na Alemanha, quando tentava chegar à Síria.

De volta à França, foi acusado em 28 de março e colocado sob controle judicial com a proibição de abandonar o departamento, com a obrigação de apresentar-se na delegacia e de realizar alguma formação ou realizar uma atividade, informou Molins.

Depois, voltou a abandonar sua residência em 11 de maio de 2015. Foi, então, lançada uma ordem de prisão internacional e ele foi detido na Turquia.

O rapaz esteve em prisão preventiva até 18 de março de 2016 e ficou sob controle judicial e recluso em sua residência, com a obrigação de utilizar um bracelete eletrônico.

As condições impostas pela justiça lhe permitiam sair de segunda-feira a sexta-feira de 8H00 às 12H30 e nos finais de semana e feriados de 14H00 às 18H00.

Kermiche era proibido de abandonar o departamento, devia se apresentar a uma delegacia uma vez por semana e entregar sua carteira de identidade e seu passaporte, informou o promotor que coordena a luta antiterrorista.

 

Últimas Notícias

Governadores pedem ao STF julgamento de processos sobre repasses
Ministro quer atrair investimentos privados para Jardim Botânico do RJ
Fies vai oferecer 100 mil vagas a juro zero para alunos de baixa renda
TJ libera R$ 13 milhões para Vale ressarcir gastos do governo mineiro
Vale pede mais tempo para analisar Termo de Ajuste Preliminar
Deputados do Rio presos podem ter posses suspensas
Vale suspende operação em barragem em Brucutu e de mina em Brumadinho
TRE-RJ mantém ex-deputado Paulo Melo inelegível até 2024

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212