Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


17 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Polícia prende mais um líder de ataques a ônibus no Rio Grande do Norte - Jornal Brasil em Folhas
Polícia prende mais um líder de ataques a ônibus no Rio Grande do Norte


A Polícia Civil do Rio Grande do Norte informou ter prendido na madrugada de hoje (2) mais um homem suspeito de comandar os recentes ataques a ônibus e prédios públicos registrados desde sexta-feira (29) em todo o estado. Daniel Silva de Carvalho, de 29 anos, foi apontado como um dos líderes da facção criminosa conhecida como Sindicato do Crime.

Em apoio ao traficante, João Maria dos Santos Oliveira, o João Mago, também preso há dois dias, Carvalho coordenava os atos de vandalismo do lado de fora da prisão. Ele foi preso em Natal, capital do estado. O delegado responsável pela ação afirmou que outros líderes também foram identificados e estão sendo procurados pela polícia.

Na manhã desta terça-feira, o governador do estado, Robinson Faria, confirmou a transferência de cinco detentos do sistema prisional potiguar para o presídio federal de Mossoró. De acordo com o governador, esse grupo comandava os ataques de dentro do sistema prisional.

Faria se reuniu hoje com comandantes do Exército e da Marinha, a fim de coordenar ações conjuntas de segurança. O governo federal autorizou a mobilização de 1,2 mil homens das Forças Armadas para garantir a segurança no Rio Grande do Norte.

Desde a noite de sexta-feira, dezenas de incêndios e depedrações de ônibus e prédios públicos tem sido registrados no estado, após o governo decidir instalar bloqueadores de chamadas de celular nos presídios estaduais.

Conforme informações da Secretaria de Segurança Pública do estado, foram registradas até o momento 80 ocorrências 29 cidades. São 46 incêndios, 20 tentativas de incêndio, sete disparos contra prédios públicos, quatro apreensões de artefatos explosivos e três depredações. Segundo os dados, 72 pessoas foram presas ou apreendidas por ligação com os atos de vandalismo.

Ao todo, 27 veículos, entre ônibus e microonibus, foram incendiados. O Sindicato das Empresas de Transportes Urbanos de Passageiros do Município do Natal (Seturn) informou que os ônibus continuarão a ser recolhidos mais cedo que o de costume, às 21h30.

 

Últimas Notícias

Governadores pedem ao STF julgamento de processos sobre repasses
Ministro quer atrair investimentos privados para Jardim Botânico do RJ
Fies vai oferecer 100 mil vagas a juro zero para alunos de baixa renda
TJ libera R$ 13 milhões para Vale ressarcir gastos do governo mineiro
Vale pede mais tempo para analisar Termo de Ajuste Preliminar
Deputados do Rio presos podem ter posses suspensas
Vale suspende operação em barragem em Brucutu e de mina em Brumadinho
TRE-RJ mantém ex-deputado Paulo Melo inelegível até 2024

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212