Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


19 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Se pensam que vão acabar comigo, estão enganados, diz Lula - Jornal Brasil em Folhas
Se pensam que vão acabar comigo, estão enganados, diz Lula


O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou nesta terça-feira (2) em Natal que está tranquilo em relação às investigações que envolvem a participação de empreiteiras nas obras do sítio de Atibaia e do apartamento de Guarujá, no Estado de São Paulo.

"Eu estou aqui tranquilo. Se eles pensam que vão acabar com Lula, estão enganados", afirmou o ex-presidente em discurso durante convenção que oficializou o deputado estadual Fernando Mineiro (PT) como candidato à Prefeitura de Natal.

No discurso, Lula negou ser dono do sítio e do apartamento e disse que "inventaram" que ele seria proprietário dos imóveis.

Contudo, não fez referências à acusação de obstrução da Justiça que fez com que ele se tornasse réu na Operação Lava Jato há quatro dias.

A visita de Lula a Natal faz parte de uma agenda por três cidades nordestinas. Esta é a segunda vez em um mês que o ex-presidente participa de atos no Nordeste, principal reduto eleitoral do PT.

ANTIGOS ALIADOS

Ao lançar a candidatura de Fernando Mineiro à Prefeitura de Natal, Lula fez queixas de antigos aliados como o governador do Rio Grande do Norte, Robinson Faria (PSD).

Lula disse que o governador recebeu o seu apoio em 2014, mas o traiu "no dia seguinte", ao apoiar impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff (PT).

Na votação do afastamento da presidente, aliados do governador, incluindo o seu filho, deputado federal Fábio Faria (PSD), votaram pelo impeachment.

"O dia em que ele votou contra Dilma, eu tentei ligar para ele, ele não atendia. Eu pedi para o [Fernando] Mineiro ir no gabinete dele, ele não me atendeu. Eu queria falar com o filho dele, não me atendeu", afirmou.

Na discurso, Lula ainda disse que apoiou Robinson Faria em 2014 porque estava "cansado do comportamento" de aliados como o ex-ministro Henrique Eduardo Alves e o senador Garibaldi Alves (PMDB). Ambos apoiaram o impeachment.

E afirmou que, a partir de agora, é melhor o partido caminhar sozinho. "Às vezes, é melhor andar sozinho, mesmo que a caminhada seja difícil, do que mal acompanhado."

A declaração foi dada num momento em que o PT enfrenta dificuldades em conquistar aliados nas capitais. O partido terá candidatos em 20 capitais e deve disputar com chapa pura em dez delas.

CANDIDATO EM NATAL

A prefeitura de Natal é uma das principais apostas do PT para eleger prefeitos de capital nas eleições deste ano.

Fernando Mineiro enfrentará nas urnas o atual prefeito Carlos Eduardo (PDT), que disputa a reeleição, e os deputados estaduais Márcia Maia (PSDB) e Kelps Lima (SD).

Em 2012, Mineiro ficou em terceiro lugar na disputa pela prefeitura com 22% dos votos e por pouco não foi para o segundo turno. Neste ano, vai para a eleição com o apoio do PC do B.

Até abril deste ano, o PT era aliado do governador Robinson Faria (PSD), que apoiaria Mineiro nas eleições deste ano. Contudo, a aliança foi rompida com o apoio do PSD ao impeachment de Dilma.


 

Últimas Notícias

Brasil perdeu 7,2 milhões de linhas de celular no ano passado
Petrobras reduz em 3% GLP empresarial nas refinarias
Ministro do STJ nega pedido de prisão domiciliar a João de Deus
Escassez de chuvas leva governo a acionar termelétricas mais caras
Picciani, Paulo Melo e Albertassi serão julgados por Bretas
Suspensa permissão para deputada receber denúncias contra professores
MPT não descarta pedir bloqueio dos bens do Flamengo
Número de mortos identificados em Brumadinho chega a 151

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212