Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


19 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Justiça do Trabalho vai remanejar recursos para enfrentar crise nos tribunais - Jornal Brasil em Folhas
Justiça do Trabalho vai remanejar recursos para enfrentar crise nos tribunais


O Tribunal Superior do Trabalho (TST) fez acordo com os 24 Tribunais Regionais do Trabalho para remanejar recursos provenientes da Medida Provisória (MP) 740/2016, que destinou crédito extraordinário à Justiça do Trabalho, que vive uma crise orçamentária. Segundo nota divulgada pelo TST, o objetivo é garantir o funcionamento dos tribunais.

Pela proposta, o tribunal regional que estiver com sobras orçamentárias ou financeiras deve repassar recursos aos tribunais que estão com dificuldades. Os créditos liberados pela MP vêm de fontes obtidas pelos próprios tribunais. De acordo com o TST, esses recursos são provenientes da remuneração de depósitos judiciais feitos por convênios bancários, renda arrecadada em concursos e reservas de contingência.

Mesmo com a liberação desses recursos, alguns tribunais regionais continuavam em dificuldades, e então houve o acordo para o remanejamento. Segundo o TST, seis tribunais precisam de ajuda financeira até dezembro deste ano: Rio de Janeiro (1ª Região), Bahia (5ª Região), Amazonas e Roraima (11ª Região), Piauí (22ª Região), da 17ª Região Espírito Santo (17ª Região) e Goiás (18ª Região).

O valor máximo permitido para realocação orçamentária e financeira é de R$ 20 milhões. Segundo o TST, a Justiça do Trabalho espera ainda a aprovação dos projetos de lei do Congresso Nacional 10/2016 e 12/2016. As propostas tramitam na Comissão Mista de Orçamento e também abrem crédito suplementar para os tribunais do trabalho.

 

Últimas Notícias

Brasil perdeu 7,2 milhões de linhas de celular no ano passado
Petrobras reduz em 3% GLP empresarial nas refinarias
Ministro do STJ nega pedido de prisão domiciliar a João de Deus
Escassez de chuvas leva governo a acionar termelétricas mais caras
Picciani, Paulo Melo e Albertassi serão julgados por Bretas
Suspensa permissão para deputada receber denúncias contra professores
MPT não descarta pedir bloqueio dos bens do Flamengo
Número de mortos identificados em Brumadinho chega a 151

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212