Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


21 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Itália e Argentina assinam acordo de 42 milhões de euros para área de Saúde - Jornal Brasil em Folhas
Itália e Argentina assinam acordo de 42 milhões de euros para área de Saúde


Os governos de Itália e Argentina assinaram um memorando de entendimento que prevê a reativação de um crédito de ajuda de 42 milhões de euros para o setor de Saúde argentino. O acordo foi assinado hoje (4) em Buneos Aires, durante uma cerimônia no Ministério da Saúde, pela embaixadora italiana Teresa Castaldo e o ministro Jorge Lemus. Também participou do ato oficial a representante da Organização Pan-Americana da Saúde (Opas), Maureen Birmingham.

O projeto visa principalmente ao fortalecimento do serviço público de saúde da Argentina e aos setores mais necessitados da sociedade, explicou em comunicado a embaixada italiana em Buenos Aires.

Houve uma grande perseverança neste acordo. Esta colaboração acontece em um momento importante para a Argentina, em que estamos fazendo muitas mudanças, disse Lemus.

Teresa Castaldo, por sua vez, destacou que o programa deve chegar às províncias mais necessitadas, com equipamentos que podem salvar vidas. Realmente nos sentimos irmãos da Argentina. Existe uma grande influência italiana no país e laços em diversos setores, concluiu a embaixadora.

Após quase vinte anos sem um premier italiano visitar a Argentina, Matteo Renzi foi recebido em Buenos Aires pelo presidente Mauricio Macri em fevereiro, na tentativa de reaproximação entre as duas nações. Argentina e Itália têm uma forte ligação, principalmente por conta da grande comunidade de italianos no país. A relação bilateral, no entanto, sofreu com os anos de kirchnerismo, quando a nação sul-americana se afastou de União Europeia (UE) e Estados Unidos, algo que Macri tenta reverter.

 

Últimas Notícias

Brasil perdeu 7,2 milhões de linhas de celular no ano passado
Petrobras reduz em 3% GLP empresarial nas refinarias
Ministro do STJ nega pedido de prisão domiciliar a João de Deus
Escassez de chuvas leva governo a acionar termelétricas mais caras
Picciani, Paulo Melo e Albertassi serão julgados por Bretas
Suspensa permissão para deputada receber denúncias contra professores
MPT não descarta pedir bloqueio dos bens do Flamengo
Número de mortos identificados em Brumadinho chega a 151

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212