Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


15 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Governo sérvio terá ministra homossexual pela primeira vez - Jornal Brasil em Folhas
Governo sérvio terá ministra homossexual pela primeira vez


O novo governo sérvio, cuja aprovação no parlamento é esperada para os próximos dias após um debate que começa nesta terça-feira, terá pela primeira vez uma ministra que se declara abertamente homossexual, algo que é uma novidade não só para este país, mas para toda a região balcânica.

A futura ministra de Administração Pública e Autogoverno Local, Ana Brnabic, foi até agora presidente da junta direção da Aliança Nacional para o desenvolvimento econômico local e é considerada uma especialista com grande experiência em assuntos de gestão.

O primeiro-ministro, Aleksandar Vucic, declarou que não importa a orientação sexual de Brnabic e nem as eventuais polêmicas que poderia causar, mas só o resultado no difícil tarefa que lhe espera.

Falamos desse aspecto também. Ela não o oculta, fala com orgulho de sua orientação. (...) Me perguntou se isso me incomodava porque tinha certeza que seria alvo de debates, mas disse que não, que só me interessa o que pode fazer; e sei que é especialista, indicou Vucic.

Tem uma energia extraordinária e me alegro de trabalhar com ela, acrescentou o chefe de governo.

Tanto na Sérvia como no resto dos Bálcãs os grupos minoritários por sua orientação sexual sofrem uma forte rejeição, embora nos últimos tempos houve avanços na afirmação dos direitos da comunidade LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais e pessoas Transgênero) nesta região que aspira a sua integração na União Europeia (UE).

Em 2010, na Sérvia, grupos homófobos e violentos causaram desordens durante uma Parada do Orgulho Gay, e inclusive forçaram então ao governo a cancelar algumas dessas manifestações.

No entanto, nos últimos anos puderam celebrar-se sem incidentes, embora com amplas medidas de segurança.

A comunidade LGBT na Sérvia, a GSA, elogiou em comunicado a decisão de Vucic de incluir em seu governo Brnabic, o que qualificaram como um momento histórico para a Sérvia.

É um passo enorme na edificação da sociedade de igualdade de oportunidades, que reconhece e avalia a qualidade e o profissionalismo do povo em altos cargos sem distinguir sua orientação sexual, afirma a nota.

A GSA considera que a escolha de Brnabic como ministra contribuirá sem dúvida, entre outras coisas, à igualdade e a uma maior aceitação e compreensão para a comunidade LGBT.

 

Últimas Notícias

Governadores pedem ao STF julgamento de processos sobre repasses
Ministro quer atrair investimentos privados para Jardim Botânico do RJ
Fies vai oferecer 100 mil vagas a juro zero para alunos de baixa renda
TJ libera R$ 13 milhões para Vale ressarcir gastos do governo mineiro
Vale pede mais tempo para analisar Termo de Ajuste Preliminar
Deputados do Rio presos podem ter posses suspensas
Vale suspende operação em barragem em Brucutu e de mina em Brumadinho
TRE-RJ mantém ex-deputado Paulo Melo inelegível até 2024

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212