Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


20 de Jan de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Treinamento funcional é parceiro da terceira idade - Jornal Brasil em Folhas
Treinamento funcional é parceiro da terceira idade


O envelhecimento é um fenômeno natural e está habitualmente ligado à perda de força, queda da resistência, diminuição da coordenação e, principalmente, perda de massa muscular e do domínio corporal. O conforto da vida moderna contribui com tudo isso, sem contar a maturação física que, com o passar do tempo, impede que movimentos que antes eram corriqueiros passem a ser mais difíceis e menos explorados.

É aí que entra o treinamento funcional, que pode ser um verdadeiro parceiro de quem chegou à terceira idade. A informação é do fisioterapeuta Renato de Freitas Hoelzle Júnior, instrutor da modalidade no Centro de Convivência de Idosos Cândida de Morais, unidade da Organização das Voluntárias de Goiás (OVG). Segundo ele, o treinamento funcional visa desenvolver qualidades físicas e movimentos básicos necessários no dia a dia, como força, resistência, equilíbrio, os atos de levantar, andar, correr, carregar, empurrar, puxar, dentre outros.

“Mais do que ajudar quem está na terceira idade a manter a forma, o treino funcional é saúde e contribui para que quem esteja nesta fase seja capaz de realizar as atividades físicas que sempre realizou e com menos riscos de quedas; lembrando que elas são as principais responsáveis pela morte de idosos e por deixá-los em uma cama,” completa. Bolas, cones e bambolês são alguns dos equipamentos usados pela turma.

OVG-Centro-de-IdososAinda de acordo com Renato Júnior, os exercícios diminuem o risco de lesões, além de dar um preparo extra para o idoso subir escadas e se abaixar com facilidade, por exemplo. Desta forma, os praticantes se tornam capazes de manter a rotina, desenvolvendo as atividades que sempre praticavam, com ganho real na sua qualidade de vida.

É o caso da aposentada Josefa do Carmo Mendanha e Silva, 77 anos. Frequentadora do Centro de Convivência de Idosos Cândida de Morais, ela participa das duas aulas semanais oferecidas pela unidade há quase um ano e meio. “Não consigo imaginar meu dia a dia sem essa rotina de exercícios. Minha qualidade de vida aumentou com o treinamento funcional. Agora, parece que meu corpo funciona melhor. Consigo agachar e subir escadas com mais facilidade. Recomendo às pessoas que se movimentem, afinal nosso corpo é uma máquina e máquinas paradas enferrujam”.

Marieta da Rocha Soares, 73 anos, também pratica o treinamento funcional na unidade há pouco mais de um ano e afirma que sente os efeitos positivos da atividade física no seu dia a dia. “Além de ter mais disposição, consigo me alongar mais e fazer coisas em casa, como varrer debaixo dos móveis, com muito mais facilidade”. Segundo Marieta, o treinamento funcional proporciona várias melhorias, principalmente de equilíbrio, postura e aumento da massa óssea e muscular. Além disso ele é um aliado contra a depressão. “Aqui faço amizades e dou boas risadas. Me sinto renovada”, diz Marieta Soares entre um exercício e outro.

A unidade
O Centro de Convivência de Idosos Cândida de Morais é voltado para o atendimento a pessoas com mais de 60 anos. Inaugurado em 2015, ele oferece várias atividades gratuitas e contribui para a interação social, troca de experiências e valorização dos idosos.

 

Últimas Notícias

Inep divulga resultado do Enem
Frédéric Lamotte é o novo diretor geral da CA Indosuez Wealth (Miami) e responsável Global da região das Américas
A ACIRLAG chega para impulsionar o setor econômico da região Leste de Aparecida
Inep divulga notas do Enem na sexta-feira
Bolsonaro sanciona Lei do Orçamento 2019 de mais de R$ 3,3 trilhões
Parlamento venezuelano aprova acordo para entrada de ajuda humanitária
Imigrantes hondurenhos sofrem com obstáculos para passagem de caravana
Militares vão atuar de forma mais intensa no Programa Mais Médicos

MAIS NOTICIAS

 

ANP aprova credenciamento de empresa certificadora
 
 
Política de combate à inflação foi bem-sucedida, diz presidente do BC
 
 
Marcos Pontes: fusão de Embraer e Boeing preserva interesses do país
 
 
Número de linhas de celular tem maior queda do ano em novembro
 
 
ANP: Petrobras pede prazo maior para definir quais campos vai explorar
 
 
Ex-presidente do Banco Central defende política econômica do governo

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212