Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


20 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Prefeitura prepara esquema especial de tráfego para o final da Paralimpíada - Jornal Brasil em Folhas
Prefeitura prepara esquema especial de tráfego para o final da Paralimpíada


A prefeitura do Rio montou um esquema especial de tráfego para o final da Paralimpíada 2016 neste final de semana, na cidade. As provas de rua da maratona serão realizadas no domingo (18) pela manhã, e as provas de ciclismo de estrada terminam amanhã (18).

A cerimônia de encerramento dos Jogos está prevista para as 19h de domingo, no Maracanã. A expectativa dos organizadores é reunir um público superior a 120 mil pessoas no Parque Olímpico, na Barra da Tijuca, no fim de semana. O anúncio foi feito no Rio Media Center hoje (17) pelos integrantes da prefeitura, responsáveis pelo planejamento operacional de mobilidade urbana.

O secretário-executivo de governo, Rafael Picciani, pediu à população que todos deixem seus carros em casa e optem pelo transporte coletivo de alta capacidade para assistirem às últimas competições. “Avisamos várias vezes, antes dos Jogos, que o planejamento não previa o uso de carros particulares e de transporte individual. Estes não se adequavam ao nosso planejamento, simplesmente por não podermos estimar o número desses carros. Peço a compreensão de todos neste fim de período”, pediu Picciani. Segundo o secretário, o sistema de transporte do Rio funcionará no fim de semana com toda a capacidade.

“Teremos a integração com o BRT e o metrô funcionando plenamente para que possamos continuar atendendo a população como o fizemos até aqui, com capacidade, conforto e previsibilidade”, afirmou.

Deslocamentos

O secretário municipal de Transportes, Alexandre Sansão, informou que não está prevista nenhuma alteração na programação de transportes ao longo da Paralimpíada.

“A única coisa que vamos fazer é operar com mais intensidade, considerando que hoje, sexta-feira, costuma haver grande movimento na cidade e também temos competições de maior volume do que ao longo da semana no Parque Olímpico”, disse.

Já o diretor de Operações da Companhia de Engenharia de Tráfego do Rio (CET-Rio), Joaquim Dinis, disse que até domingo ainda estão previstas provas de rua, como o ciclismo de estrada e a maratona, o encontro de autoridades, no Palácio do Itamaraty e a cerimônia de encerramento, no Maracanã. Para todos os eventos, haverá interdições de vias no entorno.

Em Copacabana, de onde partem os maratonistas, as interdições começam progressivamente hoje (16) para a montagem das estruturas, e vão até a meia-noite de domingo (18). O diretor de Operações da CET-Rio informou que toda a orla da Avenida Atlântica será fechada das 8h às 18h de domingo, inclusive o trecho do Leme.

Segundo Dinis, o planejamento operacional do fim de semana também inclui a suspensão da área de lazer do Aterro do Flamengo e da faixa reversível nas orlas de Ipanema e do Leblon, no domingo, por causa das interdições em Copacabana.

“Para chegar e sair de Copacabana, é melhor a população usar o metrô, que terá todas as estações funcionando”, disse o diretor.

 

Últimas Notícias

Estimativa do mercado para inflação cai pela quarta vez seguida
Autoridades de Cuba anunciam retorno de médicos antes do fim do ano
Guatemala monitora atividades de vulcão que pode ter novas erupções
Marcelo Piloto é extraditado do Paraguai para o Brasil
Ex-CEO da Nissan é preso no Japão suspeito de reduzir próprio lucro
Governador eleito do Rio promete nova concessão para o Maracanã
Relatório alerta que há 45 barragens sob ameaça de desabamento
Relatório alerta que há 45 barragens sob ameaça de desabamento

MAIS NOTICIAS

 

Estimativa do mercado para inflação cai pela quarta vez seguida
 
 
Autoridades de Cuba anunciam retorno de médicos antes do fim do ano
 
 
Guatemala monitora atividades de vulcão que pode ter novas erupções
 
 
Ex-CEO da Nissan é preso no Japão suspeito de reduzir próprio lucro
 
 
Governador eleito do Rio promete nova concessão para o Maracanã
 
 
Relatório alerta que há 45 barragens sob ameaça de desabamento

 


 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212