Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


26 de Sep de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Venezuela protesta contra reuniões do Mercosul sem sua presença - Jornal Brasil em Folhas
Venezuela protesta contra reuniões do Mercosul sem sua presença


A Venezuela protestou contra uma reunião de seus sócios do Mercosul em Nova York, a primeira desde que bloquearam sua presidência no organismo, para a qual não foi convidada - disse a chanceler Delcy Rodríguez.

Nós enviamos formalmente nossa rejeição a essas reuniões de relacionamento externo que servem apenas para tratar da presidência , informou a ministra em coletiva de imprensa.

No domingo passado (18), os chanceleres José Serra (Brasil), Susana Malcorra (Argentina), Rodolfo Nin Novoa (Uruguai) e Eladio Loizaga (Paraguai) se encontraram à margem da Assembleia Geral das Nações Unidas.

Eles assinaram um acordo que determina que o Uruguai se encarregará das negociações do Mercosul com a União Europeia (UE) para um tratado comercial.

A Venezuela não participa das negociações com a União Europeia, disse Rodríguez, argumentando que as negociações buscam implantar no Mercosul um acordo como a Alca (a Área de Livre-Comércio das Américas), que os Estados Unidos tentaram, sem sucesso, promover na América Latina.

O encontro em Nova York foi o primeiro entre representantes do Mercosul, depois que, na semana passada, seus quatro fundadores anunciaram no Rio de Janeiro que assumiriam conjuntamente a presidência rotativa do bloco.

Os quatro países exigem que o governo de Nicolás Maduro, sob pena de suspensão, cumpra suas obrigações em matéria alfandegária e de direitos humanos até o 1º de dezembro.

A ministra Rodríguez garante que a efetividade do país - incluído no bloco em 2012 - na ratificação de seus compromissos supera enormemente a dos outros membros.

Em um ano, a Venezuela incorporou 289 normas. Se compararmos isso com os 25 anos do restante dos países, em um ano, a Argentina (incorpora) 41 normas, o Brasil, 45, e o Paraguai, 35, disse.

A Venezuela está em dívida com 208 normas, o Uruguai deve 400, o Paraguai, 408, o Brasil, 151, e a Argentina, 331, acrescentou a chanceler, ressaltando que a sanção contra o país surge da intolerância política e ideológica.

Mesmo assim, o governo diz estar aberto ao diálogo.

 

Últimas Notícias

Empresários brasileiros apostam em alimentos e bebidas saudáveis
Temporal no RS deixa mais de 360 mil residências sem luz
Livro aborda mentiras contadas por presidentes do Brasil em 100 anos
Setor da cachaça lança manifesto contra carga tributária
Polícia busca PM sequestrado por criminosos na zona oeste do Rio
Bolsonaro passa bem e tem dreno retirado do abdome
PM encontra carro de policial sequestrado no Rio
Festival de Brasília termina hoje com entrega de premiações

MAIS NOTICIAS

 

Toffoli toma posse hoje na presidência do STF
 
 
Chanceler do Paraguai visita Brasil para negociar construção de pontes
 
 
Indústria recua em oito dos 15 locais pesquisados pelo IBGE em julho
 
 
Brasil amplia investimento em educação infantil, diz OCDE
 
 
México investiga caso de deputadas forçadas a renunciar
 
 
A série de ataques de 11 de Setembro completa 17 anos

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212