Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


15 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Marconi suspende projeto e anula decreto que alteravam benefícios na área da Saúde - Jornal Brasil em Folhas
Marconi suspende projeto e anula decreto que alteravam benefícios na área da Saúde


O governador Marconi Perillo suspendeu, nesta quarta-feira (21/9), a tramitação de projeto de lei e determinou a anulação de decreto que alteravam o quantitativo e os valores do Prêmio Incentivo e Prêmio Adicional pago aos servidores da Saúde Pública Estadual. Marconi, que está em missão no Canadá, comunicou à equipe de governo que as medidas ficarão suspensas até que sejam novamente avaliadas com a área econômica e com os servidores e seus representantes, o que ocorrerá a partir de seu retorno ao Brasil, em 1º de outubro.

Marconi solicitou à Liderança do Governo na Assembleia Legislativa a retirada do Projeto de Lei número 2.759/16 da pauta da Casa. O texto propunha a redução de 50% do Prêmio Incentivo pago aos servidores. Ao secretário-chefe da Casa Civil, João Furtado, o governador determinou a anulação dos efeitos do decreto de lei número 8.747, de 5 de setembro de 2016, que alterava o quantitativo de servidores da Secretaria de Estado da Saúde que recebem o Prêmio de Incentivo e o Prêmio Adicional.

O secretário da Saúde, Leonardo Vilela, acompanha o governador na missão comercial e participou da definição das medidas. A retirada do projeto da pauta e a anulação do decreto foram comunicadas pela Secretaria de Estado da Saúde por meio de nota emitida na tarde desta quarta-feira.

A íntegra do comunicado segue abaixo:

NOTA DA SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE

A Secretaria de Estado da Saúde de Goiás (SES-GO) informa que o Governo do Estado revogará o decreto Nº 8.747, de 5 de setembro de 2016, que fixa o quantitativo de servidores da Saúde do Estado que recebem o Prêmio de Incentivo e o Prêmio Adicional.

Também será devolvido à Casa Civil o Projeto de Lei nº 2759/16, protocolado na Assembleia no último dia 13, propondo a redução de 50% do Prêmio de Incentivo (produtividade) aos servidores. O governador Marconi Perillo coordenará o trabalho pessoalmente, após retorno da missão comercial ao Canadá e Estados Unidos.

 

Últimas Notícias

Presidente Díaz-Canel defende trabalho de médicos cubanos no Brasil
Ministério vai lançar edital para repor vagas de médicos cubanos
CFM afirma que há médicos suficientes para atender Brasil
Associação lança projeto para conscientizar população sobre diabetes 2
Transposição do S. Francisco está na pauta de prioridades da transição
Temer inaugura primeira etapa do acelerador de elétrons Sirius
Temer diz que decidirá “lá na frente” reajuste de ministros do STF
Só um governador do Nordeste participa de encontro em Brasília

MAIS NOTICIAS

 

No Congresso, Temer defende reuniões frequentes entre Poderes
 
 
Bolsonaro reafirma, no Congresso, compromisso com a Constituição
 
 
Bolsonaro critica Enem e diz que prova deve cobrar conhecimentos úteis
 
 
Governo de transição dividiu trabalhos por temas em dez frentes
 
 
Para ministro, é “mais simples” unir MEC com Ciência e Tecnologia
 
 
Bolsonaro e Temer iniciam hoje formalmente governo de transição

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212