Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


21 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Libra cai após anúncio de data de ruptura com a UE - Jornal Brasil em Folhas
Libra cai após anúncio de data de ruptura com a UE


A libra esterlina caiu nesta segunda-feira ao nível mais baixo em relação ao euro em três anos, depois do anúncio do calendário do Brexit, e o ministro das Finanças admitiu que a economia enfrenta turbulências.

Devemos esperar algumas turbulências enquanto avançamos neste processo negociador, disse à BBC o ministro Philip Hammond, que nesta segunda-feira pronunciou um discurso no Congresso anual dos conservadores britânicos celebrado em Birmingham, centro da Inglaterra.

Haverá um período de um par de anos ou quem sabe mais do que isso em que as empresas não saberão qual acabará sendo o estado final de nossas relações com a União Europeia, avaliou o ministro.

Hammond admitiu que as empresas estão atrasando investimentos por conta da incerteza e que o grande desafio será manter estável a confiança dos consumidores e das empresas.

Em seu discurso em Birmingham, Hammond disse que durante o processo negociador, o governo britânico estará disposto a tomar todas as medidas necessárias para proteger a economia.

A primeira ministra britânica, Theresa May, anunciou no último domingo que o Reino Unido ativará antes do final de março de 2017 o processo para retirar o país da União Europeia.

Após essa notificação oficial, ambas as partes terão dois anos para negociar a saída do Reino Unido.

Em resposta ao anúncio de May, a libra esterlina caiu nesta segunda-feira a seu nível mais baixo em relação ao euro nos últimos três anos.

No começo das operações desta segunda-feira, um euro valia 87,46 pences, o preço mais baixo em relação à libra desde agosto de 2013. Nesta tarde, caiu para 1,2818 dólares por una libra, sua cotação mais baixa desde julho, levemente acima da de 1985.

A Bolsa de Londres fechou em alta de 1,22%, aproveitando que a queda da libra beneficiará muitas multinacionais britânicas exportadoras.

 

Últimas Notícias

Atos em Brasília marcam os 50 anos da Receita Federal
Temer pede que brasileiros reflitam sobre questão racial
Grafiteira faz mural de 500 m2 no Rio para homenagear mulheres negras
Dia da Consciência Negra é comemorado no Rio com homenagem a Zumbi
Estados poderão decidir se darão aulas a distância no ensino médio
Moro escolhe delegados da Lava Jato para PF e departamento do MJ
Estudante poderá escolher área a ser avaliada no segundo dia do Enem
PF prende suspeitos de ligações com facções criminosas em sete estados

MAIS NOTICIAS

 

Estimativa do mercado para inflação cai pela quarta vez seguida
 
 
Autoridades de Cuba anunciam retorno de médicos antes do fim do ano
 
 
Guatemala monitora atividades de vulcão que pode ter novas erupções
 
 
Ex-CEO da Nissan é preso no Japão suspeito de reduzir próprio lucro
 
 
Governador eleito do Rio promete nova concessão para o Maracanã
 
 
Relatório alerta que há 45 barragens sob ameaça de desabamento

 


 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212