Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


16 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 A missão Rosetta, uma aventura espacial de 7,9 bilhões de quilômetros - Jornal Brasil em Folhas
A missão Rosetta, uma aventura espacial de 7,9 bilhões de quilômetros


A missão da sonda europeia Rosetta, que termina nesta sexta-feira, é uma aventura espacial aprovada há 23 anos.

Esta viagem de 7,9 bilhões de km, repleta de obstáculos e surpresas, mobilizou 14 países europeus e os Estados Unidos por mais de duas décadas.

- Novembro de 1993: luz verde à Rosetta -

A missão Rosetta foi aprovada em novembro de 1993 pela Agência Espacial Europeia (ESA), que busca compreender as origens da vida na Terra analisando a poeira cometária. Decide-se fazê-lo in situ através de um robô de exploração, batizado Philae.

- Março de 2004: objetivo 67P -

Mais de 10 anos depois do início do projeto, a sonda Rosetta é lançada no espaço a bordo de um foguete Ariane 5. Seu objetivo: o cometa 67P/Churiumov-Guerasimenko.

- 2005-2009: bilhar cósmico -

Para acelerar sua viagem, a Rosetta utilizará os campos de gravidade da Terra e de Marte. Realizará um verdadeiro jogo de bilhar cósmico, propulsando-se graças ao efeito de estilingue da gravidade da Terra e de Marte. Se aproxima da Terra em março de 2005 e novembro de 2009, e de Marte em fevereiro de 2007.

- 2010: entre os asteroides -

Após roçar o asteroide Steins em 2008, a Rosetta sobrevoa em julho de 2010 o Lutetia, e registra mais de 400 imagens deste asteroide de cerca de 100 km de diâmetro, situado entre as órbitas de Marte e Júpiter.

- 2011-2014: longa hibernação -

A radiação solar é insuficiente para alimentar as baterias de seus equipamentos. Em junho de 2011, Rosetta, que se encontra a 800 milhões de km do Sol, é colocada em coma artificial, uma hibernação de 957 dias que lhe permitirá poupar energia.

- Agosto de 2014: encontro com o cometa -

Em janeiro de 2014, a sonda desperta e retoma seu périplo em direção ao cometa. Graças aos seus 11 instrumentos de medida e de observação, começa a escanear sua superfície. Em 6 de agosto, a Rosetta, que percorreu um total de 7,9 bilhões de km, se coloca em órbita em volta do 67P para escoltá-lo no seu périplo em direção ao Sol.

- Novembro de 2014: Philae no cometa -

Após dez anos de viagem como passageiro da Rosetta, o pequeno módulo Philae pousa em novembro de 2014 no núcleo do cometa 67P, um marco na história da conquista espacial. Equipado com uma dezena de instrumentos de observação científica, o robô consegue trabalhar durante cerca de 60 horas, antes de desligar por falta de luz solar suficiente para carregar suas baterias.

- Junho de 2015: missão prolongada -

A ESA prolonga em junho de 2015 a missão Rosetta por nove meses, até o final de setembro de 2016.

O Philae desperta após sete meses de hibernação e se comunica várias vezes com a Rosetta. O oitavo e último contato é registrado em 9 de julho. Desde então, o robô laboratório permaneceu em silêncio.

- Agosto de 2015: perto do Sol -

Em agosto de 2015, quando o cometa 67P alcança seu periélio, ou seja, o ponto de sua órbita mais próximo ao Sol (186 milhões de km), a sonda se encontra na primeira fileira para observar os jorros de gás e poeira projetados pelo cometa.

- 2016: últimos contatos com Philae -

A sonda europeia, cujos painéis solares recebem cada vez menos luz, corta sua última comunicação com o pequeno robô com o objetivo de economizar potência. Em 2 de setembro de 2016, a menos de um mês do fim da sua missão, a Rosetta consegue, graças a sua câmera Osiris, localizar o Philae, cujo rastro tinha sido perdido desde a aterrizagem.

 

Últimas Notícias

Presidente Díaz-Canel defende trabalho de médicos cubanos no Brasil
Ministério vai lançar edital para repor vagas de médicos cubanos
CFM afirma que há médicos suficientes para atender Brasil
Associação lança projeto para conscientizar população sobre diabetes 2
Transposição do S. Francisco está na pauta de prioridades da transição
Temer inaugura primeira etapa do acelerador de elétrons Sirius
Temer diz que decidirá “lá na frente” reajuste de ministros do STF
Só um governador do Nordeste participa de encontro em Brasília

MAIS NOTICIAS

 

Volume de vendas do varejo cai 1,3% em setembro
 
 
Gilmar Mendes suspende decisão que obriga bancos a ressarcir clientes
 
 
Prefeitos e secretários pedem para manter cubanos no Mais Médicos
 
 
Em depoimento, Lula nega que é dono de sítio em Atibaia
 
 
Mega-Sena acumula e pode pagar R$ 33 milhões no próximo sorteio
 
 
Enem: estudantes fazem hoje prova de matemática e ciências da natureza

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212