Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


23 de Sep de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Presidente filipino se compara a Hitler em sua luta contra as drogas - Jornal Brasil em Folhas
Presidente filipino se compara a Hitler em sua luta contra as drogas


O presidente filipino, Rodrigo Duterte, fez nesta sexta-feira uma comparação entre sua sangrenta guerra contra a criminalidade e o tráfico de drogas e o extermínio dos judeus cometido por Adolf Hitler, assinalando estar feliz por massacrar milhões de drogados.

Duterte, de 71 anos, conhecido por suas declarações controvertidas, também classificou os Estados Unidos e a União Europeia de hipócritas por criticarem sua campanha contra o tráfico de drogas.

Hitler massacrou três milhões de judeus. Pois há três milhões de drogados nas Filipinas. Ficarei feliz em massacrá-los, declarou em um discurso.

Mas gostaria que minhas vítimas fossem [sic] todas criminosas para acabar com o problema de meu país e salvar a próxima geração da perdição, disse ainda.

O novo presidente filipino, que chegou ao poder em maio, prometeu matar milhares de criminosos com o objetivo de eliminar o tráfico de drogas em seis meses.

Desde sua posse, em 30 de junho, mais de 3.300 pessoas morreram, a maioria assassinadas por civis que aprovam a cruel retórica do presidente, que os incentiva a fazer justiça pelas próprias mãos.

Inúmeras organizações de defesa dos direitos humanos e governos ocidentais criticam duramente esta política.

Sua comparação com Hitler nesta sexta já desatou novas condenações.

Estas declarações são repulsivas e o presidente Duterte tem de se retratar e pedir desculpas, afirmou o presidente do Congresso Judeu Mundial, Ronald Lauder, em um comunicado.

O presidente filipino ainda criticou nesta sexta a União Europeia e os Estados Unidos por sua falta de atuação na crise migratória.

Vocês, Estados Unidos e União Europeia, podem me chamar do que quiser, mas nunca fui hipócrita como vocês, afirmou.

Os migrantes fogem do Oriente Médio. Vocês os deixam apodrecer, e se preocupam com a morte de 1.000, 2.000, 3.000 pessoas?, questionou.

 

Últimas Notícias

Deputado Marlúcio promove caminhonetadas em várias regiões de Aparecida
Dia da Árvore: desmatamento vem caindo, mas ainda há desafios
Brincar com os quatro elementos da natureza ajuda a criança a se desenvolver melhor
Meninas que praticam esportes, cuidado com a alimentação!
Indústria paulista fecha 2,5 mil postos de trabalho em agosto
Aneel descarta revisão de bandeira tarifária em conta de luz
BNDES: empréstimos para Cuba e Venezuela não deveriam ter sido feitos
Brasil amplia investimento em educação infantil, diz OCDE

MAIS NOTICIAS

 

Toffoli toma posse hoje na presidência do STF
 
 
Chanceler do Paraguai visita Brasil para negociar construção de pontes
 
 
Indústria recua em oito dos 15 locais pesquisados pelo IBGE em julho
 
 
Brasil amplia investimento em educação infantil, diz OCDE
 
 
México investiga caso de deputadas forçadas a renunciar
 
 
A série de ataques de 11 de Setembro completa 17 anos

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212