Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


20 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Reino Unido inicia saída da UE em março de 2017, diz primeira-ministra - Jornal Brasil em Folhas
Reino Unido inicia saída da UE em março de 2017, diz primeira-ministra


A primeira-ministra britânica, Theresa May, prometeu dar início ao processo formal para deixar a União Europeia (UE) até março de 2017. Vamos invocar o Artigo 50 do Tratado de Lisboa antes do final de março do próximo ano, disse May durante conferência anual do Partido Conservador, em Birmingham. As informações são da Agência Ansa.

O Artigo 50 do tratado europeu regula os passos que um país deve dar para sair da UE. Após acioná-lo, o Reino Unido terá um período de dois anos para fechar os acordos mais complexos da Europa desde a Segunda Guerra Mundial.

É importante não só para o Reino Unido, mas também para toda a Europa que possamos fazê-lo [sair da UE] da melhor maneira possível, causando a menor perturbação possível, disse May.

Brexit

Em junho, os britânicos foram às urnas para votar se gostariam ou não de deixar a União Europeia, no que ficou conhecido como o Brexit – união das palavras Britain (Grã-Bretanha) e exit (saída, em inglês). Em uma decisão inesperada, a maioria optou pelo sim.

Defensor da permanência na UE, o então premier David Cameron renunciou ao cargo, alegando ser incapaz de conduzir o país nesta nova fase, e May assumiu com a função de coordenar a saída do bloco.

O Parlamento colocou a decisão para deixar ou permanecer dentro da UE nas mãos do povo. E o povo respondeu com clareza enfática, comentou May.

O Reino Unido é uma das maiores economias da União Europeia, além de possuir armas nucleares e um assento no Conselho de Segurança das Nações Unidas. O país também é defensor do livre mercado e um aliado político e militar dos Estados Unidos.

Além das consequências internas para os britânicos, o Brexit abre um precedente dentro da UE e aumenta a pressão nacionalista no bloco, que já sofre pelo baixo crescimento econômico dos últimos anos, pelo alto índice de desemprego e pela crise migratória.

 

Últimas Notícias

Brasil perdeu 7,2 milhões de linhas de celular no ano passado
Petrobras reduz em 3% GLP empresarial nas refinarias
Ministro do STJ nega pedido de prisão domiciliar a João de Deus
Escassez de chuvas leva governo a acionar termelétricas mais caras
Picciani, Paulo Melo e Albertassi serão julgados por Bretas
Suspensa permissão para deputada receber denúncias contra professores
MPT não descarta pedir bloqueio dos bens do Flamengo
Número de mortos identificados em Brumadinho chega a 151

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212