Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


18 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Porto Alegre reelege mais de dois terços dos atuais vereadores - Jornal Brasil em Folhas
Porto Alegre reelege mais de dois terços dos atuais vereadores


Com 574 candidatos concorrendo a uma vaga no Legislativo municipal, mais de dois terços dos vereadores de Porto Alegre foram reeleitos ontem (2). Dos 36 atuais ocupantes da Câmara Municipal, 25 conquistaram o direito de atuar por mais quatro anos — ou seja, uma taxa de reeleição de 69,4%.

O partido que mais reelegeu vereadores no Legislativo foi o PTB, que garantiu um novo mandato para quatro dos atuais representantes. A sigla, no entanto, não elegeu mais ninguém e perde duas das seis cadeiras que ocupa atualmente na Câmara. Com isso, a maior bancada passará a pertencer ao PMDB, que aumentou de quatro para cinco o número de vereadores na capital gaúcha.

Quatro partidos mantiveram os vereadores que já atuam no Legislativo porto-alegrense: PSB, com dois representantes; e PSD, Rede e SD, com um representante cada.

O PCdoB é o único partido que não terá mais bancada. Com uma vereadora atualmente na Câmara Municipal, a sigla não elegeu ninguém em 2016. O PSDB e o Novo, sem representantes na atual composição, elegeram um vereador cada para os próximos quatro anos.

Gênero

Quatro mulheres foram eleitas para o próximo mandato no Legislativo de Porto Alegre. O número é idêntico ao da atual composição da Câmara e representa 11% dos vereadores da capital gaúcha — onde 54,75% do eleitorado são compostos por mulheres.

Duas das quatro vereadoras de Porto Alegre foram reeleitas, uma taxa de renovação de 50% entre as representantes femininas da Câmara Municipal.

A candidatura que ficou em primeiro lugar em número de votos para o Legislativo porto-alegrense foi a de uma mulher. Fernanda Melchionna (PSOL) garantiu a melhor votação da capital gaúcha, com 14.630 votos (2,1% do total). A candidata, reeleita, obteve mais de mil votos de diferença para o segundo colocado, Mauro Zacher (PDT), que conquistou 13.551 votos (1,97% do total).

A segunda mulher mais bem classificada foi Sofia Cavedon (PT). Ela também foi reeleita em 2016 e ficou na sétima posição entre os mais votados, com 9.670 votos (1,4% do total). Mônica Leal (PP) e Comandante Nádia (PMDB) foram a 13ª e 17ª mais votadas, respectivamente.

 

Últimas Notícias

Bolsonaro terá uma série de reuniões na próxima semana em Brasília
Com pênalti controverso, Brasil vence Uruguai por um a zero
Brasil está preparado para substituir médicos cubanos, afirma Temer
Chega a quatro número de vítimas das chuvas em Belo Horizonte
Estudantes poderão renovar o Fies até o dia 23
Massoterapeuta Dani Bumbum deixa prisão no Rio
Cervejas terão rótulos com os ingredientes usados na fabricação
Temporal causa mortes e estragos em BH; adolescente está desaparecida

MAIS NOTICIAS

 

Morre em Pelotas o criador da camisa canarinho, Aldyr Schlee
 
 
Brasil concentrou 40% dos feminicídios da América Latina em 2017
 
 
Jungmann e Toffoli anunciam sistema para unificar processos de presos
 
 
Pensamento liberal deve guiar a equipe econômica de Bolsonaro
 
 
Gold3-4 minutosfajn permanecerá à frente do BC até Senado aprovar Campos Neto
 
 
Senado argentino aprova orçamento de 2019 como prometeu ao FMI

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212