Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


19 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Dow Jones fecha em alta de 0,22% - Jornal Brasil em Folhas
Dow Jones fecha em alta de 0,22%


O índice Dow Jones Industrial fechou nesta sexta-feira em alta de 0,22% após um pregão no qual três grandes bancos surpreenderam positivamente com seus resultados trimestrais.

O principal indicador da Bolsa de Nova York, que chegou a somar quase 150 pontos, ganhou no final só 39,44 e ficou com 18.138,38. O seletivo S&P 500 avançou 0,02%, para 2.132,98 pontos, e o índice composto da Nasdaq subiu também 0,02% e fechou aos 5.214,16.

O pregão foi marcado por forte volatilidade e começou com fortes altas impulsionados pelos bons resultados apresentados por JPMorgan Chase, Citigroup e Wells Fargo, embora na reta final os ânimos tenham se contido.

O que contribuiu para essa moderação foi um discurso da presidente do Federal Reserve (Fed), Janet Yellen, que apontou que uma alta inflação pode ajudar a sustentar a recuperação econômica dos Estados Unidos, em meio ao debate sobre a próxima alta das taxas de juros no país.

As ações do JPMorgan caíram no final 0,32%, apesar do tom positivo de seus lucros, e as do Citigroup avançaram 0,43%, enquanto as do Wells Fargo baixaram 0,09%, após ambos anunciarem lucro líquido por ação melhor do que o previsto.

Os investidores também reagiram bem ao fato de as vendas no varejo nos Estados Unidos terem avançado em setembro 0,6%, embora o dado sobre a confiança dos consumidores em outubro ter ficado abaixo do que os analistas esperavam.

No Dow Jones, as principais altas foram dos papéis de Goldman Sachs (1,85%), Dupont (1,31%), Intel (1,3%), Wal-Mart (1,23%), Microsoft (0,88%), Visa (0,86%), Caterpillar (0,8%), Travelers (0,65%), Apple (0,56%) e IBM (0,47%).

As quedas mais acentuadas foram das ações de McDonalds (-1,14%), Nike (-0,79%), Johnson & Johnson (-0,59%), Merck (-0,59%), American Express (-0,43%), JPMorgan Chase (-0,32%), Pfizer (-0,31%) e Coca-Cola (-0,22%).

No momento do fechamento do pregão, a onça do ouro caía para US$ 1.252,90, e a rentabilidade dos títulos da dívida pública americana com prazo de dez anos subia para 1,801%.

 

Últimas Notícias

Brasil perdeu 7,2 milhões de linhas de celular no ano passado
Petrobras reduz em 3% GLP empresarial nas refinarias
Ministro do STJ nega pedido de prisão domiciliar a João de Deus
Escassez de chuvas leva governo a acionar termelétricas mais caras
Picciani, Paulo Melo e Albertassi serão julgados por Bretas
Suspensa permissão para deputada receber denúncias contra professores
MPT não descarta pedir bloqueio dos bens do Flamengo
Número de mortos identificados em Brumadinho chega a 151

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212