Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


18 de Mar de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Belgas suspendem negociações sobre acordo UE-Canadá - Jornal Brasil em Folhas
Belgas suspendem negociações sobre acordo UE-Canadá


Os belgas não chegaram a uma posição comum para sair do bloqueio do tratado de livre comércio entre europeus e canadenses (Ceta), reconheceu nesta quarta-feira à noite o ministro das Relações Exteriores Didier Reynders.

Esperamos uma resposta definitiva das entidades federadas, regiões e comunidades belgas opostas à assinatura do Ceta, declarou Reynders após concluir a nova reunião. Um novo encontro está previsto para quinta-feira às 10H00 (08H00 GMT), segundo a agência de imprensa belga.

Dirigentes regionais e do governo federal belga se reuniram nesta quarta-feira na tentativa de encontrar uma posição comum para desbloquear o acordo comercial entre a UE e o Canadá (Ceta).

Esperamos a reação dos diferentes governos regionais aos textos, disse o chanceler belga Didier Reynders, antes da retomada durante a noite das negociações, de onde se espera saia uma posição da Bélgica para apresentar aos demais 27 países do bloco.

O governo federal belga, liderado pelo liberal Charles Michel, tentou ao longo das negociações convencer os governos da região belga de Valônia, de Bruxelas Capital e da comunidade francófona para que dissessem Sim ao Ceta e permitir que a Bélgica desse seu aval indispensável à UE para a assinatura do tratado com o Canadá.

O chefe do governo regional valão, o socialista Paul Magnette havia demonstrado ceticismo na manhã de hoje sobre o resultado das negociações, já que assuntos importantes ainda estariam pendentes.

Magnette reiterou suas críticas a um mecanismo de arbitragem previsto no acordo para solucionar os conflitos entre os Estados e as multinacionais, que poderiam processá-los caso adotassem uma política considerada contrária a seus interesses.

Essas longas negociações aconteceram na presença de um representante do executivo europeu, assim como de juristas dos diferentes governos da Bélgica.

Após anunciar, na sexta-feira, o fracasso das negociações diretas com os valões, o Canadá deixou claro que a bola está com os europeus.

Pela manhã, em um discurso aos eurodeputados reunidos em Estrasburgo, nordeste da França, o presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk, disse que a cúpula de amanhã é possível.

Um otimismo não compartilhado pelo chefe de governo da comunidade francófona, Rudy Demotte, que na sua chegada ao encontro noturno considerou difícil a celebração da cúpula, tendo em vista as complicadas discussões técnicas.

 

Últimas Notícias

Receita cria chat para regularizar débitos de pessoas físicas
MP facilita registro de empresas nas juntas comerciais
Mudança em servidor foi a causa de instabilidade ontem, diz Facebook
Corte de pessoal gera economia de R$ 200 milhões, afirma presidente
TCU pede informações antes de decidir sobre leilão de ferrovia
Leilão de aeroportos testa novo modelo em blocos
Pretendentes já ofertaram R$ 2,3 bi no leilão de aeroportos
Aeroportos foram arrematados com ágio médio de 986%

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212