Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


25 de Sep de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 "Fizemos a maior gestão de todas as épocas em Goiânia", afirma Marconi - Jornal Brasil em Folhas
"Fizemos a maior gestão de todas as épocas em Goiânia", afirma Marconi


Na última edição do Governador Responde, realizada na última sexta-feira (28), o governador Marconi Perillo abordou, a pedido dos internautas, os investimentos feitos por suas administrações em Goiânia e detalhou o cronograma das obras em execução na capital. "Em Goiânia nós fizemos a maior gestão de todas as épocas, com as maiores e mais importantes obras de todos os tempos: duplicando, iluminando, construindo ciclovias em todas as saídas de Goiânia", afirmou Marconi, citando ainda a construção do Centro de Excelência do Esporte, da Vila Cultural, do Centro Cultural Oscar Niemeyer, do Hospital de Urgências Governador Otávio Lage (Hugol), do Parque Marcos Veiga Jardim e a reconstrução do Autódromo Internacional de Goiânia.

Marconi afirmou que o crescimento dos partidos da base aliada nas eleições para as prefeituras e Câmaras de Vereadores deste ano é reflexo dos investimentos do Governo de Goiás em todos os municípios, independentemente da sigla dos prefeitos. "A nossa base elegeu 199 prefeitos, contando o PSDB e os outros partidos. Elegemos 38 prefeitos das 50 maiores cidades (duas, Goiânia e Anápolis, têm segundo turno hoje). Esses prefeitos são de partidos aliados. Só o PSDB elegeu 17 das 50 maiores cidades", afirmou o governador.

"Eu, particularmente, disse desde o início que me ateria aos assuntos de Estado, aos assuntos do governo, e que eu não entraria na eleição. E eu não entrei, eu não participei", disse Marconi. "Tivemos uma boa performance porque escolhemos bons candidatos. Isso porque o governo fez muita coisa no Estado inteiro. Como é o caso de Goiânia", afirmou o governador. "Os acessos a todas as cidades vizinhas, construindo viadutos, hospitais, Centro de Excelência, Centro de Cultura. Enfim, nós fizemos um grande trabalho em Goiânia".

Novas intervenções no Centro de Excelência

No Governador Responde, Marconi detalhou o cronograma de novas intervenções no Centro de Excelência do Esporte, que já tem o Estádio Olímpico e o Laboratório de Capacitação do Esporte prontos. "Agora nós vamos para quarta etapa, que é o Parque Aquático. Vamos realizar um projeto ousado, um projeto caro. E nós estamos agora na fase de viabilização do dinheiro, para começarmos a obra. Com o Parque Aquático, vamos ter os melhores centros de excelência nos esportes de todo Brasil", disse o governador.

"O CEE é um complexo de quatro equipamentos. O primeiro equipamento é a quadra de esportes. Aumentamos o tamanho dela, a altura, para que pudéssemos ter jogos e competições de basquete, por exemplo. Esse ginásio vai sofrer uma nova reforma", afirmou. "A outra etapa era o Estádio Olímpico, que já entregamos. A terceira etapa é o Centro de Excelência para que os atletas possam morar lá e treinaram permanentemente, com alimentação, com dormitórios também já foi entregue", afirmou.

Governos Marconi investiram mais de R$ 2 bilhões em Goiânia desde 2011

Dos mais de R$ 6 bilhões em investimentos realizados pelos governos de Marconi Perillo nos últimos anos, Goiânia recebeu R$ 2 bilhões em obras em todas as áreas. Os recursos foram aplicados em diversas áreas, com destaque para infraestrutura urbana e de rodovias, saúde, esportes, cultura, lazer e programas sociais.

Segundo o governador, Goiânia está "no topo das prioridades dos investimentos do Governo de Goiás". Em entrevistas recentes, Marconi disse que, após as obras de duplicação de rodovias e construção de viadutos nas interligações da capital com o interior, o Governo de Goiás vai propor, entre outras, parcerias com a Prefeitura para completar as obras de infraestrutura urbana necessárias para desafogar o trânsito, como a construção de viadutos, elevados e trincheiras.

O governador também afirmou que vai intervir junto ao governo federal para garantir os recursos do Orçamento da União necessários para a conclusão das obras do BRT Norte-Sul, iniciadas na gestão Paulo Garcia (PT). A partir do início do terceiro mandato (2011-2014), o governador Marconi Perillo intensificou os investimentos em Goiânia, que prosseguem na quarta administração (2015-2018), apesar das limitações impostas pela crise econômica nacional.

Entre eles estão a duplicação de rodovias que dão acesso ao interior, junto à implantação de viadutos, iluminação e ciclovias; a reconstrução do Autódromo Internacional Ayrton Senna, da Vila Cultural, do Centro de Excelência do Esporte e do Hospital de Urgências Governador Otávio Lage (Hugol), alem das obras do Hospital do Servidor, que serão entregues no ano que vem.

No saneamento, estão sendo investimentos para universalização do sistema de coleta de esgoto e garantia de abastecimento de água tratada com a conclusão do Sistema Produtor Mauro Borges. Na saúde, a gestão compartilhada dos hospitais estaduais com Organizações Sociais (OSs) revolucionou o atendimento, acabando com as filas e a espera por exames e leitos. Na habitação, o Governo de Goiás promove a regularização de moradias a construção e reforma de moradias com o Cheque Mais Moradia Reforma e Construção. Na educação passou a figura entre as melhores do País, segundo o Ideb.

Ainda na educação, o Governo de Goiás ampliou o acesso ao ensino superior com a Bolsa Universitária e a Universidade Estadual de Goiás (UEG). Na cultura, a capital recebeu investimentos do Fundo de Cultura e a Lei Goyazes e ganhou o Centro Cultural Oscar Niemeyer.

Goiânia também é destaque nos investimentos do Governo de Goiás em segurança pública, com ampliação de 30% os efetivos das polícias, investimentos na atualização da frota, dos equipamentos e na valorização das carreiras das corporações. No terceiro mandato, o governador Marconi Perillo apostou na inteligência policial nas políticas de combate ao crime, concentradas no Centro Integrado de Inteligência, Comando e Controle (CIICC) o cérebro das operações policiais. Graças a esses investimentos, caiu em 25,5% a taxa de homicídios nos últimos 12 meses terminados em setembro.

 

Últimas Notícias

Empresários brasileiros apostam em alimentos e bebidas saudáveis
Temporal no RS deixa mais de 360 mil residências sem luz
Livro aborda mentiras contadas por presidentes do Brasil em 100 anos
Setor da cachaça lança manifesto contra carga tributária
Polícia busca PM sequestrado por criminosos na zona oeste do Rio
Bolsonaro passa bem e tem dreno retirado do abdome
PM encontra carro de policial sequestrado no Rio
Festival de Brasília termina hoje com entrega de premiações

MAIS NOTICIAS

 

Toffoli toma posse hoje na presidência do STF
 
 
Chanceler do Paraguai visita Brasil para negociar construção de pontes
 
 
Indústria recua em oito dos 15 locais pesquisados pelo IBGE em julho
 
 
Brasil amplia investimento em educação infantil, diz OCDE
 
 
México investiga caso de deputadas forçadas a renunciar
 
 
A série de ataques de 11 de Setembro completa 17 anos

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212