Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


25 de Sep de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Europeus querem autorização para estrangeiros que não precisam de visto - Jornal Brasil em Folhas
Europeus querem autorização para estrangeiros que não precisam de visto


A Comissão Europeia (CE) propôs nesta quarta-feira implantar um sistema de informação e autorização de viagens para os cidadãos de terceiros países que queiram entrar no espaço Schengen e não necessitem de visto, que deverão pagar uma taxa de cinco euros.

O chamado Sistema Europeu de Informação e Autorização de Viagens (ETIAS, por sua sigla em inglês) pretende reforçar os controles de segurança e de imigração na União Europeia.

A segurança de nossas fronteiras e a proteção de nossos cidadãos são nossa prioridade absoluta. O ETIAS remediará a carência de informação ao trocar os dados dos solicitantes isentos de visto com os de todos nossos demais sistemas, disse o primeiro vice-presidente da CE, Frans Timmermans.

Ao mesmo tempo, o sistema será simples, rápido, barato e eficaz, acrescentou Timmermans, que acredita que a proposta receberá o mais rápido possível o sinal verde do Conselho (países da UE) e do parlamento Europeu, instituições de devem aprová-la para que possa entrar em vigor.

Bruxelas espera que o sistema esteja em operação como muito breve em 2020.

Se for implantado, as pessoas originárias dos países aos quais a UE não exige visto seguirão estando livres desse requisito, mas terão que obter uma autorização de viagem prévia à entrada no espaço Schengen.

Após a solicitação, um sistema automatizado efetuará uma série de controles para decidir se expede ou nega a autorização de viagem à UE.

Embora a decisão final de permitir ou rejeitar a entrada corresponderá aos guardas nacionais que realizarão os controles fronteiriços, as comprovações prévias facilitarão as inspeções.

Segundo a CE, na maioria dos casos a autorização será concedida em cerca de dez minutos e será preciso somente um documento de viagem válido.

Em 95 % dos casos, os solicitantes obterão uma aprovação automática, enquanto os outros 5% uma boa parte (calculado entre 3% e 4%) receberão uma decisão positiva em um momento posterior.

Os interessados que tenham a autorização negada, poderão recorrer da decisão.

A taxa de solicitação será de cinco euros e a autorização obtida terá uma validade de cinco anos e poderá ser utilizada para múltiplas viagens.

Após esses cinco anos, os dados pessoais do interessado serão apagados automaticamente do sistema.

O mecanismo ajudará a identificar possíveis casos de imigração irregular ou pessoas que possam ser um risco do ponto de vista da segurança, segundo a CE.

Desde os atentados de 2015 e 2016 em Paris e Bruxelas, respectivamente, a Comissão Europeia propôs aumentar os controles das pessoas que viajam pela UE e reforçar a segurança de suas fronteiras exteriores.

 

Últimas Notícias

Varejo perde R$ 19,5 bilhões em 2017 por danos em produtos e furtos
A partir deste sábado, candidatos só podem ser presos em flagrante
Brasileiros não se sentem prontos para lidar com a morte, diz pesquisa
Aos 95 anos, Gervásio Baptista recebe Medalha do Mérito Jornalístico
PF combate grupo criminoso responsável por contrabando de cigarros
Primavera começa hoje com possibilidade de novo episódio do El Niño
Facebook anuncia medidas para combater contas falsas e desinformação
Polícia Militar faz operação na Rocinha

MAIS NOTICIAS

 

Toffoli toma posse hoje na presidência do STF
 
 
Chanceler do Paraguai visita Brasil para negociar construção de pontes
 
 
Indústria recua em oito dos 15 locais pesquisados pelo IBGE em julho
 
 
Brasil amplia investimento em educação infantil, diz OCDE
 
 
México investiga caso de deputadas forçadas a renunciar
 
 
A série de ataques de 11 de Setembro completa 17 anos

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212