Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


25 de Sep de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Seul e Tóquio assinam pacto para compartilhar dados militares de Pyongyang - Jornal Brasil em Folhas
Seul e Tóquio assinam pacto para compartilhar dados militares de Pyongyang


Coreia do Sul e Japão assinaram nesta quarta-feira, em Seul, um tratado que permitirá as duas nações compartilharem informações sobre as atividades militares do regime da Coreia do Norte.

Os dois países decidiram assinar o Pacto Geral de Segurança sobre Informação Militar (GSOMIA, sigla em inglês) por conta do recente aumento de testes com armas realizados pelos norte-coreanos.

O ministro da Defesa sul-coreano, Han Min-koo, e o embaixador japonês na Coreia do Sul, Yasumasa Nagamine, assinaram o documento no Ministério da Defesa, em Seul, informou a agência Yonhap.

O documento entrou em vigor imediatamente, já que não necessita de aprovação parlamentar.

Tóquio e Seul haviam pré-acordado o GSOMIA há quase meia década, mas a assinatura do acordo foi cancelada na última hora em 2012 pela controvérsia que gerou então na Coreia do Sul o primeiro acordo de defesa com o Japão, país que exerceu um domínio colonial sobre a península coreana entre 1910 e 1945.

Na verdade, três partidos da oposição sul-coreana protestaram contra a assinatura do tratado e ameaçaram forçar a renúncia do ministro da Defesa em um momento de extrema fraqueza do governo da presidente Park Geun-hye, envolvida em um escândalo de corrupção e abuso de poder liderado por uma colaboradora próxima.

Porta-vozes do Ministério da Defesa sul-coreano ressaltaram hoje os benefícios do pacto diante do recente aumento de testes de mísseis e nucleares realizados pelo regime de Kim Jong-un e consideraram que uma crise política doméstica não deveria comprometer um tema de segurança nacional.

O tratado permitirá que a Coreia do Sul e Japão compartilhem dados confidenciais sobre os programas de armas de Pyongyang de maneira direta e não através dos Estados Unidos, como fizeram até agora, em virtude de outro pacto trilateral assinado em 2014.

 

Últimas Notícias

Varejo perde R$ 19,5 bilhões em 2017 por danos em produtos e furtos
A partir deste sábado, candidatos só podem ser presos em flagrante
Brasileiros não se sentem prontos para lidar com a morte, diz pesquisa
Aos 95 anos, Gervásio Baptista recebe Medalha do Mérito Jornalístico
PF combate grupo criminoso responsável por contrabando de cigarros
Primavera começa hoje com possibilidade de novo episódio do El Niño
Facebook anuncia medidas para combater contas falsas e desinformação
Polícia Militar faz operação na Rocinha

MAIS NOTICIAS

 

Toffoli toma posse hoje na presidência do STF
 
 
Chanceler do Paraguai visita Brasil para negociar construção de pontes
 
 
Indústria recua em oito dos 15 locais pesquisados pelo IBGE em julho
 
 
Brasil amplia investimento em educação infantil, diz OCDE
 
 
México investiga caso de deputadas forçadas a renunciar
 
 
A série de ataques de 11 de Setembro completa 17 anos

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212