Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


16 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Fillon vence segundo turno das primárias do Partido Conservador da França - Jornal Brasil em Folhas
Fillon vence segundo turno das primárias do Partido Conservador da França


O ex-primeiro-ministro da França François Fillon venceu o segundo turno das primárias do Partido Conservador neste domingo (27), e é o escolhido para representar o maior partido da oposição na corrida presidencial francesa de 2017, de acordo com resultados das parciais do segundo turno.

Depois de alcançar 8.081 de um total de 10.228 votos, o político liberal, de 62 anos, liderou o segundo turno com 67,4% dos votos, contra seu rival moderado, Alain Juppé, que obteve 32,6% enquanto a apuração ainda estava em andamento.

É uma vitória fundamental construída sobre as convicções e, progressivamente, senti que essa onda quebrou todos os cenários previstos com antecedência. Minha abordagem foi entendida, disse Fillon aos apoiadores.

O futuro está à nossa frente, temos todos os recursos para ser uma nação soberana, para liderar a Europa. Agora, tenho o dever de convencer todo o país de que nosso projeto é o único que pode nos erguer, acrescentou.

Servindo como primeiro-ministro entre 2007 e 2012, sob a liderança do presidente Nicolas Sarkozy, que foi derrotado no domingo passado, Fillon estava atrás nas primárias há meses, sob o duelo Juppé-Sarkozy. Ele se recuperou de forma espetacular uma semana antes da primeira rodada das primárias.

Defendendo reformas pró-mercado, Fillon apresentou um projeto mais radical, com base em 500 mil empregos no setor público, duas vezes mais do que prometeu Juppé, baixando os impostos corporativos e propondo que as pessoas trabalhem mais, em um movimento para diminuir os gastos públicos e revitalizar a economia.

Sobre a política externa, ele expressou sua posição em relação à Rússia, pedindo que Paris e Moscou se sentem à mesma mesa para reforçar os laços bilaterais e ajudar a acabar com a guerra na Síria e no Iraque.

Admitindo sua derrota, Juppé, de 71 anos, inicialmente franco favorito para as eleições, parabenizou François Fillon pela grande vitória. Eu o apoio e desejo boa sorte em sua campanha presidencial e que vença em maio, disse ele aos apoiadores após a divulgação dos resultados.

A participação no segundo turno neste domingo alcançou mais de 2,9 milhões de pessoas, 4,5% a mais do que na primeira rodada e muito além da expectativa anterior do partido, que era de 2 milhões.

 

Últimas Notícias

Governadores pedem ao STF julgamento de processos sobre repasses
Ministro quer atrair investimentos privados para Jardim Botânico do RJ
Fies vai oferecer 100 mil vagas a juro zero para alunos de baixa renda
TJ libera R$ 13 milhões para Vale ressarcir gastos do governo mineiro
Vale pede mais tempo para analisar Termo de Ajuste Preliminar
Deputados do Rio presos podem ter posses suspensas
Vale suspende operação em barragem em Brucutu e de mina em Brumadinho
TRE-RJ mantém ex-deputado Paulo Melo inelegível até 2024

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212