Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


17 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 A convite de Marconi, Meirelles almoça com governadores do Brasil Central - Jornal Brasil em Folhas
A convite de Marconi, Meirelles almoça com governadores do Brasil Central


Em reconhecimento à importância do Fórum de Governadores do Brasil Central no estabelecimento de políticas públicas em defesa dos Estados da região, o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, aceitou o convite feito em cima da hora para que almoçasse com os governadores na residência oficial de Águas Claras.

De acordo com o governador Marconi, o almoço serviu para que os governadores avançassem na discussão do acordo relacionado à repatriação. “Estamos em busca de um acordo referente à divisão dos juros do dinheiro repatriado. Os estados vão cumprir a sua parte, que é promover corte de gastos. Esperamos fechar esse acordo o mais rápido possível”, declarou.

Assim como ocorre ao final de todas as reuniões do Fórum, os governadores fecharam acordo que definiu os termos da carta que a entidade enviará ao presidente da República, Michel Temer. Na carta do Distrito Federal, eles abordam assuntos relacionados ao Fundo do Centro-Oeste (FCO) e ao Fundo de Desenvolvimento do Centro-Oeste (FDCO).

Os governadores pleiteiam modificações nas taxas de juros do FCO e uma suplementação orçamentária patrocinada pelo Governo Federal destinando R$ 5 bilhões do FDCO para financiamento e obras de infraestrutura.

Na semana que vem, todos os governadores que compõem o Fórum Brasil Central irão participar da reunião do Conselho Deliberativo (CONDEL), órgão máximo de articulação e decisões estratégicas da SUDENE para dar ênfase a esses pleitos.

Marconi anunciou que o Consórcio trabalhará, a partir de agora, na elaboração de um plano na área de logística. “Já conseguimos R$ 5 milhões da Sudeco para a realização desse estudo. Depois, vamos apresentar o projeto ao Governo Federal para que possamos ter ações integradas de desenvolvimento na área de infraestrutura para garantir competitividade a toda região”, explicou.

Avanços - Assessor do Governo de Goiás e secretário-executivo do BrC, Thiago Camargo disse que mesmo com pouco tempo de criação, o Consórcio já conseguiu avanços expressivos não só na área econômica, como também na Segurança Pública, Educação, Saúde e Turismo.

Na reunião de hoje do consórcio, vários temas de interesse dos estados foram colocados em discussão. Projetos de inovação nas áreas de Saúde e Educação, compras públicas, Turismo, Meio-ambiente e extensão rural também estiveram em debate no fórum.

Além dos governadores Marconi Perillo, de Goiás, Rodrigo Rollemberg, do Distrito Federal, Marcelo Miranda, do Tocantins, Reinaldo Azambuja, do Mato Grosso do Sul e Confúcio Moura, de Rondônia, participou da reunião o secretário de Planejamento do governo do Mato Grosso, Gustavo de Oliveira, representante do governador Pedro Taques. De Goiás compareceram também o secretário da Secima, Vilmar Rocha, de Gestão e Planejamento, Joaquim Mesquita, e o secretário de Governo, Tayrone Di Martino.

Em fevereiro, a primeira reunião do terceiro ano de criação do Consórcio será realizada em Goiânia.

 

Últimas Notícias

Governadores pedem ao STF julgamento de processos sobre repasses
Ministro quer atrair investimentos privados para Jardim Botânico do RJ
Fies vai oferecer 100 mil vagas a juro zero para alunos de baixa renda
TJ libera R$ 13 milhões para Vale ressarcir gastos do governo mineiro
Vale pede mais tempo para analisar Termo de Ajuste Preliminar
Deputados do Rio presos podem ter posses suspensas
Vale suspende operação em barragem em Brucutu e de mina em Brumadinho
TRE-RJ mantém ex-deputado Paulo Melo inelegível até 2024

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212