Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


12 de Dez de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Suíça confisca peças arqueológicas provenientes de Palmira, Iêmen e Líbia - Jornal Brasil em Folhas
Suíça confisca peças arqueológicas provenientes de Palmira, Iêmen e Líbia


A justiça do cantão suíço de Genebra ordenou o confisco de objetos arqueológicos provenientes de Palmira (Síria), Iêmen e Líbia, armazenados em portos francos, segundo um comunicado publicado na sexta-feira.

Os portos francos são depósitos onde se conserva todo tipo de objetos sem pagar direitos de alfândega nem impostos.

Os objetos confiscados foram armazenados nesses locais entre 2009 e 2010, e um controle alfandegário realizado em abril de 2013 despertou a suspeita de que eram de procedência ilegal, explicou o Ministério Público de Genebra.

As autoridades culturais de Berna, contatadas pelas alfândegas no início de 2011 enviaram um especialista, que confirmou a autenticidade dos bens, e em fevereiro passado foi iniciado um procedimento penal.

Os objetos confiscados são uma cabeça de Afrodite e dois baixos-relevos funerários.

Três dos bens provém de Palmira, a cidade Patrimônio Mundial da Humanidade que foi conquistada e parcialmente destruída pelo grupo extremista Estado Islâmico na Síria.

Cinco objetos provém do Iêmen e refletem a história cultural da península árabe meridional.

A cabeça de Afrodite provém da Líbia e é um exemplo do processo de helenização que ocorreu no Norte da África, afirmou a mesma fonte.

A maioria dos bens foram enviados do Qatar, e um dos Emirados Árabes Unidos, para a Suíça. Segundo o Ministério Público de Genebra, a investigação demonstrou que os bens provêm de saques.

O Museu de Arte e História de Genebra se encarregará temporariamente dos bens, que serão expostos ao público, enquanto se espera que sejam entregues aos seus Estados de origem.

 

Últimas Notícias

Deputado Marlúcio entrega título de Cidadã Goiana a cantora Joelma
Fundo Nacional do Idoso é aprovado na Câmara
Aval do TCU é suficiente para cessão onerosa, dizem técnicos da Corte
Acordo possibilitará investimentos privados em segurança pública
Vazamento de óleo afetará reprodução da fauna em mangue, diz ONG
Temer e Bolsonaro lamentam tragédia em Campinas
Jungmann coloca PF à disposição para apuração de caso de Campinas
Ministro da Cultura inicia comemorações aos 200 anos da independência

MAIS NOTICIAS

 

Novo crediário para cartão é estudado para 2019, diz Febraban
 
 
Demanda por bens industriais cresce 0,3% em outubro
 
 
Diálogo Brasil debate projeto Escola sem Partido
 
 
Brasileiro é eleito para Associação Internacional de Seguridade Social
 
 
Polícia e MP de Goiás vão apurar denúncias contra médium João de Deus
 
 
ONG homenageia policiais militares mortos no estado do Rio

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212