Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


18 de Mar de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Goiano é porta-voz de estudantes no lançamento do Mediotec - Jornal Brasil em Folhas
Goiano é porta-voz de estudantes no lançamento do Mediotec


Concluinte do Ensino Médio, o estudante goiano Bruno da Silva Mendes falou em nome de todos os alunos da rede pública de ensino do País em evento realizado pelo Ministério da Educação nesta terça-feira, dia 20, em Brasília. O presidente Michel Temer e o ministro da Educação, Mendonça Filho, anunciaram a criação do Mediotec, um programa que incentiva a formação técnica e profissional de estudantes. Também foi assinada a liberação de verba para a implementação de escolas em tempo integral.

Bruno estuda no Colégio Estadual Jalles Machado, em Goianésia, onde também faz parte de uma turma de ensino técnico profissional em Química. O goiano discursou no evento que reuniu, além do presidente da República e do ministro, deputados, secretários de Educação, inclusive a titular da Seduce Goiás, Raquel Teixeira, outras autoridades e mais sete alunos da rede pública estadual. “Trago as vozes de milhões de estudantes que anseiam pela mudança e pela consolidação de um Ensino Médio de qualidade”, disse.

“Atualmente possuímos um modelo engessado que, se comparado aos outros países, é totalmente ultrapassado e não condiz com a realidade do mundo de trabalho. A possibilidade de escolhermos trajetórias é uma das melhores partes dessa reforma”, disse sobre a proposta do governo federal de promover alterações no currículo do ensino. “Hoje estudamos um pouco de tudo, não temos aprofundamento nem embasamento mais sólido de nenhuma área. Por isso senhor, presidente, faço parte dos jovens que desejam mudanças. Vejo essa reforma como um modelo inovador e corajoso”, completou.

Michel Temer pediu licença às autoridades para saudar a todos na pessoa de Bruno. “(Ele) representa o futuro da Educação. É interessante ver o exemplo de Bruno, que fez Ensino Médio e Técnico. É uma satisfação participar desta solenidade”, disse depois de assinar a liberação de recursos e a criação do programa.

Mediotec
O Mediotec é um braço do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec). A expectativa do governo federal é oferecer 82 mil vagas em todo o País já no ano que vem. Conforme anunciou o ministro durante o evento, R$ 700 milhões serão liberados para os 18 Estados que possuem oferta de ensino técnico, além do DF. Goiás está entre eles.

Sobre o Programa de Fomento à Implementação de Escolas em Tempo Integral para o Ensino Médio, o investimento inicial será de R$ 150 milhões. A iniciativa foi lançada junto com a Medida Provisória do Ensino Médio. Em Goiás, a expectativa é ampliar o número de escolas com esse perfil para 42 no ano que vem. Para a secretária Raquel Teixeira, o ensino de tempo integral tem se revelado um dos elementos mais decisivos para ajudar o aluno a aprender mais e melhor.

Raquel observa que existem evidências científicas de que bons projetos de extensão da carga horária só têm a agregar à educação do Brasil. “Desde que essa permanência seja estruturada, e que introduza não apenas reforço escolar das matérias obrigatórias e básicas de português e matemática, mas que introduza experiências de vivência, de projeto de vida, de protagonismo, de como lidar com conflitos. Isso, com certeza, faz a diferença na formação do ser humano e o prepara para os desafios do século XXI”, disse.

Coordenador geral de Ensino Médio do MEC, o professor Wisley Pereira comemorou a novidade. “Estamos contemplando metas do Plano Nacional da Educação no que diz respeito à ampliação do número de escolas em tempo integral e da flexibilização do currículo escolar. Isso significa um avanço na melhoria da qualidade da educação pública do País”, disse Wisley. Antes de assumir o cargo no MEC, ele foi superintendente Executivo de Ensino Médio da Seduce Goiás, tendo sido protagonista da implementação de escolas em tempo integral na rede pública estadual. Atualmente o Estado tem 21 unidades escolares com esse perfil.

 

Últimas Notícias

Vélez indica Iolene Lima para secretaria executiva do MEC
Vélez indica Iolene Lima para secretaria executiva do MEC
Enem terá rascunho com linhas para a redação
Estudantes brasileiros participam de festival de robótica no Rio
Brasil condena ataque a mísseis contra Israel
Venezuela anuncia restabelecimento total do serviço elétrico
Coreia do Norte ameaça suspender negociações com Washington
Embaixador anuncia visita de Bolsonaro a Israel em 31 de março

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212