Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


20 de Sep de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Exposição apresenta fotos coloridas inéditas de Robert Capa - Jornal Brasil em Folhas
Exposição apresenta fotos coloridas inéditas de Robert Capa


Em contraste com as imagens em preto e branco que consagraram o fotógrafo húngaro Robert Capa, um dos fundadores da Agência Magnum, uma exposição no Rio de Janeiro revela outro lado do artista. A mostra Capa em Cores, no Rio de Janeiro, exibe, pela primeira vez na América Latina, 136 fotos coloridas trazidas do International Center of Photography, de Nova York.

Conhecido pela cobertura de momentos que se tornaram marcos da história, como o desembarque aliado na Normandia, em junho de 1944, Capa – pseudônimo de Endre Friedmann – também registrou, em cores, o glamour de artistas em Roma e em Paris. Emplacou ainda, nas principais revistas da época, ensaios coloridos sobre o balneário Biarriatz, no País Basco francês, e férias de esqui de famílias abastadas nos Alpes Suíços.

Quem visitar a exposição também deparará com a intimidade de personalidades do século 20 com quem Capa conviveu. Entre elas, o pintor espanhol Pablo Picasso e o escritor norte-americano Ernest Hemingway – registrados em momentos raros com a família. Retratos do cineasta sueco Ingmar Bergman e do italiano Roberto Rosselini também podem ser vistos.

As imagens coloridas foram feitas com filmes Kodachrome e Ektachrome e resgatadas pela curadora da exposição, Cynthia Young. Desde 2000, ela trabalha com a coleção de Capa, nos Estados Unidos. Conta que o fotógrafo começou a usar cor ainda durante os primeiros anos da Segunda Guerra Mundial, quando registrou tropas britânicas e americanas no Norte da África. Por um período, ele andava com duas câmeras, uma para cada tipo de foto.

“Capa é considerado um mestre da fotografia de guerra em preto e branco, o homem que documentou alguns dos principais eventos políticos da Europa Ocidental no século 20”, destacou a curadora da mostra, que já circulou por Madri, Budapeste e França, antes do Rio.

Referência em fotojornalismo e em retratar a experiência humana, Capa morreu em 1954, fotografando a Guerra da Indochina, ao pisar acidentalmente numa mina terrestre. A mostra Capa em Cores está aberta ao público até 9 de abril, de terça-feira a domingo, entre 11h e 20h, no Oi Futuro do Flamengo, na Rua Dois de Dezembro, no Catete.

 

Últimas Notícias

Centro está preparado para lançamento de foguete após acidente
Cidades brasileiras integram programa de preservação de florestas
MP denuncia ex-marido de corretora assassinada no Rio
Bolsonaro segue estável e internado no Hospital Albert Einstein
Goiás entra para a elite dos Estados mais competitivos do País
Petrobras eleva gasolina em 2 centavos; diesel permanece inalterado
MME faz consulta sobre planejamento da transmissão de energia elétrica
Inadimplência do consumidor subiu 3,63% em agosto

MAIS NOTICIAS

 

Toffoli toma posse hoje na presidência do STF
 
 
Chanceler do Paraguai visita Brasil para negociar construção de pontes
 
 
Indústria recua em oito dos 15 locais pesquisados pelo IBGE em julho
 
 
Brasil amplia investimento em educação infantil, diz OCDE
 
 
México investiga caso de deputadas forçadas a renunciar
 
 
A série de ataques de 11 de Setembro completa 17 anos

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212