Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


20 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Pauta de exportações de Goiás pode ficar maior após Missão Comercial ao Oriente Médio - Jornal Brasil em Folhas
Pauta de exportações de Goiás pode ficar maior após Missão Comercial ao Oriente Médio


Marconi e José Vitti na Reunião da Câmara de Comércio de Abu dhabiO presidente da Assembleia Legislativa de Goiás, José Vitti, disse neste domingo, dia 26, em Abu Dhabi que a prospecção de investimentos é uma marca das gestões do governador Marconi Perillo. “Uma característica forte do atual governo sempre foi essa de poder vender nosso Estado para fora do País. Tenho certeza que nós do Legislativo e do Executivo trabalhando juntos vamos mais uma vez concretizar uma grande missão aqui no Oriente Médio”, afiançou Vitti, que compõe a comitiva o Governo de Goiás para o Oriente Médio.

Vitti ressaltou a importância das missões comerciais para o desenvolvimento do Estado e lembrou que a busca por investimentos estrangeiros multiplicou o Produto Interno Bruto de Goiás (PIB) nas últimas décadas. Segundo dados da Secretaria de Gestão e Planejamento de Goiás, o Estado mantém atualmente relações comerciais com cerca de 160 países. Em 1998, antes do primeiro governo Marconi, Goiás tinha intercâmbio com menos de 50 países.

O presidente da Federação das Indústrias do Estado de Goiás, Pedro Alves de Oliveira, que também integra a comitiva da Missão Comercial do Governo de Goiás a Abu Dhabi, afirmou que a rodada de negócios liderada pelo governador Marconi Perillo ao Oriente Médio “é mais uma oportunidade para que o setor produtivo de Goiás amplie seus negócios”, disse Pedro Alves.

Na avaliação do presidente da Fieg, a expectativa é que a missão comercial redunde na atração de investimentos para o Estado. “Hoje iniciamos mais uma missão de extrema importância para Goiás. A expectativa é que a gente possa colher bons frutos que tragam benefícios para a economia e o desenvolvimento do Estado”, afirmou. “Goiás é visto como uma oportunidade de negócio para o mundo inteiro e essa é uma oportunidade para avançarmos nos mercados internacionais”, projetou.

Marconi participou, neste domingo (26), em Abu Dhabi, de reunião com investidores daquele país. Na pauta, que fez parte do primeiro compromisso da Missão Comercial do Governo de Goiás ao Oriente Médio, a apresentação das potencialidades de Goiás, como a infraestrutura logística, oferta de mão de obra qualificada e demais predicados que colocam o Estado entre os principais do Brasil para atração de investimentos.

Os principiais produtos exportados pelo Estado, com ênfase no agronegócio, e o Consórcio Brasil Central também foram temas da apresentação realizada pelo governador. Embaixador do Brasil nos Emirados Árabes, Paulo Cesar de Vasconcellos declarou ao final da explanação que os diretores do maior fundo soberano do mundo, o Abu Dhabi Investment Authority (ADIA), ficaram “impressionados com os dados do estado de Goiás”.

Vasconcellos disse que os investidores teceram comentários positivos sobre o bloco formado pelos estados que compõem o Consórcio Brasil Central, presidido por Marconi Perillo. De acordo com o embaixador, tratativas foram iniciadas para que estudantes goianos possam estudar no país, com bolsas de estudo no Masdar Instituto de Ciência e Tecnologia (MIST).

 

Últimas Notícias

Brasil perdeu 7,2 milhões de linhas de celular no ano passado
Petrobras reduz em 3% GLP empresarial nas refinarias
Ministro do STJ nega pedido de prisão domiciliar a João de Deus
Escassez de chuvas leva governo a acionar termelétricas mais caras
Picciani, Paulo Melo e Albertassi serão julgados por Bretas
Suspensa permissão para deputada receber denúncias contra professores
MPT não descarta pedir bloqueio dos bens do Flamengo
Número de mortos identificados em Brumadinho chega a 151

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212