Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


25 de Sep de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Governo de Goiás entrega Cheque Comunitário para Vila São Cottolengo - Jornal Brasil em Folhas
Governo de Goiás entrega Cheque Comunitário para Vila São Cottolengo


O Governo de Goiás entrega nesta quarta-feira (12/04) Cheque Mais Moradia modalidade Comunitário que vai beneficiar a Vila São Cottolengo, unidade de saúde em Trindade que atende pessoas com deficiências físicas e mentais. O presidente da Agência Goiana de Habitação (Agehab), Luiz Stival, representa a presidente da Organização dos Voluntários de Goiás (OVG), Valéria Perillo, na entrega da primeira parcela dos cheques Mais Moradia, no valor de R$ 80 mil, ao diretor administrativo da Vila São Cottolengo, padre Everson de Faria Melo, às 16 horas. Deste montante, R$ 30 mil serão destinados à ampliação da recepção da fisioterapia e R$ 50 mil para construção de mais duas unidades de internação, a São Geraldo e a São Clemente.
O convênio total da Agehab com a entidade prevê a liberação de R$ 440 mil em recursos estaduais provenientes diretamente do programa Cheque Mais Moradia na modalidade Comunitário no centro de saúde. O investimento do Estado de Goiás foi autorizado pelo governador Marconi Perillo durante inauguração da lavanderia da Vila São Cottolengo, em julho do ano passado, construída com recursos de emenda parlamentar de sua autoria, quando era senador.
Segundo Stival, o objetivo é dar ênfase na ampliação da estrutura de atendimento. “Recebemos a solicitação de auxílio e prontamente a Agehab se dispôs a prestar o atendimento dentro do programa Cheque Mais Moradia, conforme determinação do governador”, afirma o presidente da Agehab. Ele destaca ainda a importância da Vila São Cottolengo para a região de Trindade, que conta com credibilidade ímpar no atendimento a portadores de necessidade especiais.
Outra obra prevista é a reforma do Centro de Material Esterilizado (CME), espaço destinado à limpeza de utensílios clínicos e cirúrgicos. Além da ampliação da recepção da fisioterapia, a piscina utilizada para hidroterapia será reformada. De acordo com o padre Everson de Faria Melo, a maior urgência é para construção de duas unidades de acolhimento para deficientes mentais. Ele explica que é necessária uma estrutura diferenciada para atender esse público, como a ausência de vidros, por exemplo. A construção deve ser feita com um acrílico especial, para que os pacientes não se machuquem.
O diretor administrativo também lembra que é preciso ter o cuidado de não colocar grades, porque a unidade de acolhimento não é uma prisão. “O Cheque Comunitário vai melhorar as condições de atendimento aos pacientes e ajudar no cumprimento da nossa missão”, afirmou. Cerca de 70 internos necessitam atualmente de melhor estrutura. Ainda segundo o padre, há uma lista de espera para atendimento psicológico.

 

Últimas Notícias

Empresários brasileiros apostam em alimentos e bebidas saudáveis
Temporal no RS deixa mais de 360 mil residências sem luz
Livro aborda mentiras contadas por presidentes do Brasil em 100 anos
Setor da cachaça lança manifesto contra carga tributária
Polícia busca PM sequestrado por criminosos na zona oeste do Rio
Bolsonaro passa bem e tem dreno retirado do abdome
PM encontra carro de policial sequestrado no Rio
Festival de Brasília termina hoje com entrega de premiações

MAIS NOTICIAS

 

Toffoli toma posse hoje na presidência do STF
 
 
Chanceler do Paraguai visita Brasil para negociar construção de pontes
 
 
Indústria recua em oito dos 15 locais pesquisados pelo IBGE em julho
 
 
Brasil amplia investimento em educação infantil, diz OCDE
 
 
México investiga caso de deputadas forçadas a renunciar
 
 
A série de ataques de 11 de Setembro completa 17 anos

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212