Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


24 de Abr de 2017 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Emílio Odebrecht fala em caixa oficial e caixa 2 para FHC; ex-presidente nega - Jornal Brasil em Folhas
Emílio Odebrecht fala em caixa oficial e caixa 2 para FHC; ex-presidente nega


O ex-presidente executivo e atual presidente do Conselho de Administração da empreiteira Odebrecht, Emílio Odebrecht, disse, em depoimento ao Ministério Público Federal, ter feito repasses por meio de caixa 2 para as campanhas eleitorais de Fernando Henrique Cardoso em 1993 e em 1997.

“Eu não tenho dúvida de que houve alguma coisa, que teve de caixa 2 e de caixa oficial. Se ele soube ou não, eu acho até que não deve ter sabido. Eu também não sabia esses detalhes”, disse Emílio Odebrecht, em depoimento.

Ao lado do depoimento de mais 76 executivos e ex-executivos das empresas Odebrecht e Braskem, o depoimento de Emílio Odebrecht serviu de base para a decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Edson Fachin autorizar a abertura de investigação contra oito ministros do governo federal, três governadores, 24 senadores e 39 deputados federais

Antes de os vídeos das delações serem divulgados oficialmente pela Justiça, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso já havia negado irregularidades. Em vídeo, divulgado nas redes sociais, FHC defendeu a ampla investigação dos fatos. “Não tenho nada a esconder, nada a temer. Eu vou ver com calma do que se trata. Por enquanto não há nada específico. É tudo muito vago”, disse o ex-presidente.

Dilma e Lula

Em depoimento aos procuradores, o empresário Marcelo Odebrecht, filho de Emílio e ex-presidente do grupo, afirmou também que os ex-presidentes Dilma Roussef e Luiz Inácio Lula da Silva sabiam de doações não contabilizadas da empreiteira para a campanha deles à Presidência da República.

O empresário disse que se encontrou com a ex-presidente Dilma em 2015 no México, e afirmou que fez um alerta sobre a possível contaminação que o caixa 2 poderia causar à campanha dela por causa das investigações da Lava Jato.

No que tange à questão de caixa 2, tanto Lula quanto Dilma, eles tinham conhecimento de um montante, não necessariamente do valor preciso, mas tinham conhecimento da dimensão de todo o nosso apoio ao longo dos anos. A Dilma, ela sabia, que grande parte do nosso apoio tava direcionado para João Santana [responsável pelo marketing da campanha]. E especificamente em 2015, no encontro que tive, já com a Operação Lava Jato deflagrada, tive consciência de todos os depósitos que tinham sido feitos, eu mostrei a ela a quantidade que pdoeria contaminar a campanha dela, disse em um dos depoimentos da delação premiada.

Dilma e Lula negam as acusações e dizem que as afirmações de Marcelo são falsas.

Primeira instância

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Edson Fachin determinou o envio das citações de ex-executivos da Odebrecht aos ex-presidentes Fernando Henrique Cardoso, Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff para a primeira instância da Justiça. O pedido foi feito pela Procuradoria-Geral da República (PGR) pelo fato de os acusados não terem mais foro privilegiado no STF.

Com a decisão do STF, FHC deverá responder às acusações na Justiça Federal em São Paulo.

As acusações contra o ex-presidente Lula foram enviadas para a Justiça Federal no Paraná. Nos depoimentos, os colaboradores ligados à Odebrecht também citaram supostas tratativas com Lula para viabilizar politicamente a edição de uma medida provisória para evitar a intervenção do Ministério Público nos acordos de leniência assinados com empresas na Lava Jato.

Um pedido de influência de Lula para que a Odebrecht conseguisse fechar negócios com o governo angolano e reformas em um sítio em Atibaia (SP), além do pagamento de palestras em troca de favorecimento da empresa também constam nos depoimentos.

No caso da ex-presidenta Dilma, foram citados supostos pagamentos de caixa dois para a campanha eleitoral. As acusações foram enviadas para a Justiça Federal em São Paulo.

 

Últimas Notícias

Aparecida lança projeto para estimular leitura literária
Marconi anuncia FCO R$ 3 bilhões para 2017 e geração de empregos
MST volta a ocupar fazendas e bloquear estradas para cobrar reforma agrária
Primeiro cara a cara de Lula e Moro terá claques da esquerda à direita
Israel redobra segurança em Jesusalém antes de Superpáscoa
Agehab coleta mais assinaturas em escrituras do Casa Legal em Aparecida de Goiânia
Fapeg tem dois bolsistas entre os semifinalistas do Famelab Brasil 2017
Procon Goiás faz cálculo de dívida pela internet

MAIS NOTICIAS

 


POLÍTICA
Marconi anuncia FCO R$ 3 bilhões para 2017 e geração de empregos

Ao dar posse aos novos integrantes do Conselho de Desenvolvimento do Estado (CDE), o governador Marconi Perillo anunciou previsão recorde do Fundo Constitucional do Centro-Oeste (FCO) para este ano.

 
 
CIDADES
MST volta a ocupar fazendas e bloquear estradas para cobrar reforma agrária

Integrantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) ocupou duas fazendas já ocupadas anteriormente para pedir pressa no assentamento das famílias. Segundo militantes, a manifestação faz parte da Jornada Nacional de Lutas do MS

 
 
POLÍTICA
Primeiro cara a cara de Lula e Moro terá claques da esquerda à direita

Combate do século”, “ato monstro”, “a hora da verdade.” São os votos de caravanas da esquerda à direita para o próximo 3 de maio.

 
 
MUNDO
Israel redobra segurança em Jesusalém antes de Superpáscoa

Além de 400 câmeras do circuito interno, balões de segurança com filmadoras sobrevoam a pequena área onde, segundo a Bíblia, Jesus Cristo deu seus últimos passos há quase 2.000 anos.

 


 
 
 
 


AS PRINCIPAIS NOTÍCIAS DO DIA
POLÍTICA
Crise: Marconi afirma que “remédios amargos” são necessários para o Brasil
ECONOMIA
Divulgadas reclamações dos consumidores no Nota Goiana
POLÍTICA
Impeachment não está no centro das preocupações do Passe Livre, diz militante
POLÍTICA
Parceria abre gestão compartilhada da Saneago em Goiânia
ECONOMIA
Panamá Papers: Hong Kong é rota para contornar restrições no continente chinês
MUNDO
Papa se encontra com refugiados na ilha grega de Lesbos em 16 de abril
POLÍTICA
Julgamento sobre posse de Lula está previsto para 20 de abril no Supremo
POLÍTICA
Depoimento de empresário no Conselho de Ética era desnecessário
 
ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 
 





HOME - EDIÇÃO DE HOJE - GO - DF - SP - RIO - BRASIL - MUNDO - ECONOMIA - TECNOLOGIA - CIÊNCIA - SAÚDE - CULTURA - ESPORTES - VIAGENS - CINEMA - VÍDEOS - CUPONS - ANUNCIE

© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 4018-8212