Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


20 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Fapeg e British Council apresentam pesquisadores selecionados - Jornal Brasil em Folhas
Fapeg e British Council apresentam pesquisadores selecionados


A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Goiás (Fapeg), em parceria com o British Council, apresenta nesta terça-feira, dia 18, os pesquisadores contemplados no edital para bolsas de Mestrado no Reino Unido, direcionadas a grupos sub-representados na ciência. A chamada pública foi lançada também em parceria com as Fundações de Amparo à Pesquisa dos Estados da Bahia (Fapesb) e da Paraíba (Fapesq). Foram contemplados seis candidatos de Goiás, dois da Bahia e dois da Paraíba. O evento será a partir das 8h20 no 10º andar do Palácio Pedro Ludovico Teixeira (PPLT), no Centro de Goiânia.

A chamada pública está inserida no âmbito do Fundo Newton. Participarão do evento os presidentes da Fapeg, Fapesb e Fapesq, Maria Zaira Turchi, Lázaro Cunha e Cláudio Furtado, respectivamente. Também estarão presentes representantes do British Council, da comunidade científica goiana, além dos dez pesquisadores contemplados na chamada e os cinco selecionados para o cadastro de reserva.

O edital teve como objetivo fortalecer a participação de grupos sub-representados, como minorias étnicas e pesquisadoras de ciência e inovação no Brasil, além de influenciar práticas e políticas inclusivas. O programa será realizado em quatro fases: curso de inglês de três meses e preparação para o exame Ielts no Brasil; curso de inglês de verão de três meses no Reino Unido; mestrado (integral) no Reino Unido; e atividades de disseminação de impacto.

O valor da bolsa é de até £40 mil e custeará os cursos de inglês, taxa de exame Ielts, tradução juramentada de documentos para candidatura universitária no Reino Unido, taxa de vistos, voo internacional, ajuda de custo e taxa de matrícula.

Sobre a iniciativa
Dados do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) mostram que dos 12.780 pesquisadores brasileiros que receberam bolsas de pesquisa internacional em 2014, com base na auto declaração, 64,8% eram brancos, enquanto 3% orientais, 16,4% eram mestiços e 2,4% negros. Além disso, das bolsas de estudo nacionais concedidas pelo CNPq em 2015, no âmbito da participação das mulheres, 59% foram atribuídas a mulheres brancas e 26, 8% a mulheres negras. Com relação aos homens, 56,3% foram alocados aos brancos e 24,3% aos negros.

Neste contexto, sob a linha de “Professional Development & Engagement” (PDE), o projeto Mestrado de Bolsas de Estudos para grupos Sub-Representados na Ciência no Brasil busca alavancar a participação de tais grupos nas áreas da ciência, bem como apoiar o ambiente científico e de inovação no Brasil. O objetivo estratégico do projeto é a promoção de um programa de mestrado no Reino Unido, como uma experiência abrangente para fortalecer a participação de grupos sub-representados.

British Council
O British Council é a organização internacional do Reino Unido para oportunidades educacionais e relações culturais. Seu trabalho busca estabelecer a troca de experiências e criar laços através do intercâmbio de conhecimento e de ideias entre pessoas ao redor do mundo. Atua em cinco áreas: Educação, Língua Inglesa, Artes, Esportes e Exames. A organização está presente em mais de 100 países, com parceiros como os governos em diversas instâncias, organizações não governamentais e iniciativa privada. No Brasil, tem escritórios em Rio de Janeiro, Recife e São Paulo.

Fundo Newton
Lançado no Brasil pelo ministro das Finanças britânico George Osbourne em abril de 2014, o Fundo Newton de fomento à pesquisa e inovação em países emergentes investirá £735 milhões em diversos programas que contemplam mobidade, pesquisa e capacitação em 15 países. No Brasil, deverão ser investidos £45 milhões até 2021. O fundo é parte do compromisso assumido pelo Reino Unido diante à comunidade internacional de promover iniciativas que fortaleçam o desenvolvimento social e econômico de países emergentes.

 

Últimas Notícias

Brasil perdeu 7,2 milhões de linhas de celular no ano passado
Petrobras reduz em 3% GLP empresarial nas refinarias
Ministro do STJ nega pedido de prisão domiciliar a João de Deus
Escassez de chuvas leva governo a acionar termelétricas mais caras
Picciani, Paulo Melo e Albertassi serão julgados por Bretas
Suspensa permissão para deputada receber denúncias contra professores
MPT não descarta pedir bloqueio dos bens do Flamengo
Número de mortos identificados em Brumadinho chega a 151

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212