Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


19 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Talles Barreto assume Secretaria de Fiscalização do Programa Goiás na Frente - Jornal Brasil em Folhas
Talles Barreto assume Secretaria de Fiscalização do Programa Goiás na Frente


O governador Marconi Perillo empossou nesta quarta-feira, dia 26, o deputado estadual Talles Barreto no cargo de secretário Extraordinário de Fiscalização do Programa Goiás na Frente. Com a posse, já são três parlamentares estaduais a integrar o primeiro-escalão de governo: Lêda Borges (Secretaria Cidadã), Talles e Lucas Calil, que ocupam pastas extraordinárias.

Ao dar boas vindas ao novo auxiliar, o governador adiantou que a tarefa dele será de acompanhar o andamento das obras previstas no programa Goiás na Frente bem como destravar toda e qualquer burocracia, que provoque algum atraso na execução. Para isso, terá interlocução direta com o governador, com o vice-governador, José Eliton, e com os secretários de Estado. “A sua função é colocar o Goiás na Frente pra frente”, disse Marconi a Talles.

Na solenidade, ele abriu um parêntese para falar da crise econômica nacional. Voltou a defender a votação das reformas, para que o País volte a trilhar o caminho do desenvolvimento. Relatou que, segundo informações do ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, repassadas a ele ontem, durante almoço de governadores com o presidente Temer, que o Brasil gasta hoje 55% de tudo que arrecada só para pagar a Previdência, e sobram apenas 45% para atender áreas estratégicas como Saúde, Infraestrutura, Educação e Segurança. A boa notícia, segundo Marconi, é que o ministro prevê crescimento de 2,7% até o final deste ano e 3 % em 2018.

Ao desejar sucesso a Talles, Marconi concluiu o discurso com uma frase que gosta de usar toda vez que empossa um novo auxiliar: “Daqui para frente, mãos à obra”.
O novo secretário agradeceu o governador pelo convite para comandar uma pasta estratégica, que vai cuidar da execução do programa Goiás na Frente e prevê investimentos de R$ 9 bilhões no biênio 2017/2018. Ele agradeceu ainda a presença de colegas parlamentares e de um grande número de prefeitos, com o quais disse que pretende ter um relacionamento de proatividade.

Talles Barreto volta ao governo depois de ter sido administrador do Serra Dourada, presidente da Agel, de onde saiu para disputar mandato de deputado estadual. “O senhor é o nosso espelho, nossa referência”, afirmou, dirigindo-se a Marconi, ao ressaltar que enquanto outros estados da Federação passam por enormes dificuldades, não conseguindo até mesmo pagar a folha de pessoal, Goiás anunciou recentemente um plano de investimentos de R$ 9 bilhões. “Venho para o governo com muita satisfação e muita disposição para trabalhar”, resumiu.

Ao saudar o novo secretário, o vice-governador José Eliton afirmou que Talles Barreto será “peça fundamental” do sucesso do programa Goiás na Frente, porque hoje é uma das figuras públicas mais experientes de Goiás. Também o presidente da Assembleia Legislativa, José Vitti, assinalou que a Casa perde com a saída do parlamentar, mas o Estado ganha, porque está assumindo um político competente e “muito leal”. Com a posse de Talles, assume mandato o suplente Henrique César, cantor evangélico da igreja Assembleia de Deus.

Participaram da solenidade também os secretários Sérgio Cardoso (Articulação Política), Raquel Teixeira (Educação, Cultura e Esporte), Lucas Calil (Extraordinário), Lêda Borges (Cidadania), deputados estaduais, prefeitos, integrantes do governo e familiares do novo secretário.

 

Últimas Notícias

Brasil perdeu 7,2 milhões de linhas de celular no ano passado
Petrobras reduz em 3% GLP empresarial nas refinarias
Ministro do STJ nega pedido de prisão domiciliar a João de Deus
Escassez de chuvas leva governo a acionar termelétricas mais caras
Picciani, Paulo Melo e Albertassi serão julgados por Bretas
Suspensa permissão para deputada receber denúncias contra professores
MPT não descarta pedir bloqueio dos bens do Flamengo
Número de mortos identificados em Brumadinho chega a 151

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212